Um morador do Rio de Janeiro está sendo investigado pela secretaria de saúde da capital fluminense por, supostamente, ter tomado cinco doses de vacinas contra a Covid-19. O homem, que não teve seu nome ou idade divulgados, teria recebido os imunizantes em dois meses e nove dias, um período menor do que o recomendado para o intervalo entre as doses, o que pode ser bem perigoso.

A TV Globo teve acesso à carteira digital de vacinação do morador, que indica que ele tomou uma dose da Pfizer em 12 de maio, uma da AstraZeneca em 5 de junho, a “segunda” da Coronavac em 17 de junho, a Pfizer em 9 de julho e a “primeira” dose da Coronavac em 21 de julho. Segundo os registros, ele alternava entre dizer se estava tomando a primeira ou a segunda dose de determinada vacina.

publicidade

Segundo a TV Globo, o homem teria sido descoberto ao tentar tomar uma sexta dose de vacina contra a Covid-19, mas, desta vez, sem sucesso. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro informou que está apurando o caso para identificar se o homem realmente tomou cinco doses de vacina ou se houve alguma falha de registro no sistema DataSus.

Incomum, mas acontece

Covid-19 vacina
Rio de Janeiro investiga pelo menos 16 casos de fraudes envolvendo vacinas contra a Covid-19. Imagem: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Entretanto, este não é o primeiro caso identificado de alguém querendo passar na frente dos outros ou se vacinar mais vezes que o recomendado. Segundo o Estadão, foram identificados pelo menos 16 casos de moradores do Rio de Janeiro tentando ou até mesmo conseguindo tomar mais de uma primeira dose de vacina. Todas elas foram processadas por fraude e dano moral coletivo.

Leia mais:

Mas isso não é uma exclusividade da capital fluminense, na cidade de Viçosa, em Minas Gerais, um idoso chegou perto do número de doses tomadas pelo carioca. No início de julho, foi descoberto que um idoso tinha tomado quatro doses de vacinas contra a Covid, sendo duas da Coronavac, uma da AstraZeneca e outra da Pfizer.

Via: Estadão e G1 Rio de Janeiro

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!