Nesta manhã de terça-feira (24) a Nasa anunciou que um “problema médico” com o astronauta norte-americano Mark Vande Hei forçou o adiamento de uma caminhada espacial para a instalação de componentes para novos painéis solares.

Embora afirmasse que o problema não era sério, e que o retorno do astronauta à Terra não seria necessário, a agência espacial não explicou a natureza do problema. Isso causou preocupação entre os entusiastas do espaço. Felizmente, o próprio Mark Vande Hei esclareceu o ocorrido. Em um post em seu perfil no Twitter, o astronauta agradeceu a preocupação e disse que teve um “nervo puxado” no pescoço. 

publicidade

Vande Hei e o astronauta japonês Akihiko Hoshide iriam instalar um “kit de modificação” que permitirá a instalação de um novo painel solar IROSA para aumentar a produção de energia elétrica a bordo da Estação Espacial Internacional. “Estou ansioso para instalar este kit de modificação para o IROSA. Mas hoje não era o dia certo”, disse o astronauta.

Leia mais:

Como o tempo para a instalação não é crítico, outros membros da tripulação seguirão com outras etapas da missão e continuarão avançando com atividades que envolvem a preparação para a instalação do painel solar. Agora, as equipes da Nasa estão trabalhando para determinar uma nova data para a caminhada, já que este é um período bem movimentado na estação espacial.

No próximo sábado (28), uma espaçonave SpaceX Cargo Dragon será lançada na missão de reabastecimento CRS-23. Além disso, a Rússia planeja enviar cosmonautas para uma série de caminhadas espaciais a partir da semana que vem, a fim de concluir os trabalhos de instalação do módulo Nauka, que atracou na ISS no início deste mês.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!