Um aviador chamado David afirma ter encontrado seu iPhone X perdido em uma fazenda de soja nos Estados Unidos. O caso não chamaria atenção, mas o celular do piloto caiu de sua mão enquanto ele sobrevoava a região, em aproximadamente 3,5 quilômetros de altura, e o aparelho voltou a funcionar normalmente.

Muitos de vocês certamente já vivenciaram um momento quando o celular resolve pular da altura do bolso da bermuda ou calça, encontrando o chão e espalhando pedaços da carcaça por todos os lados. Eu mesmo já sofri desse problema com um Galaxy S7 Edge, que teve a tela trincada após escorregar de aproximadamente 40 centímetros de altura.

publicidade

Leia também

Este cenário triste não foi o mesmo vivenciado por David, um aviador dos Estados Unidos que voava seu Diamond DA40 sobre o estado americano do Colorado. O piloto estava em rota entre as cidades de Colorado Springs e Atlanta, pilotando o monomotor de origem austríaca em velocidade de mais ou menos 280 km/h, em pouco mais de 3.500 metros de altura.

O avião é pequeno e as janelas podem ser abertas para entrada de ar, seja para refrescar o ambiente ou mesmo para diminuir a temperatura dos instrumentos. Em um destes momentos, o piloto afirma ter visualizado uma formação curiosa de nuvens e resolveu registrar a imagem. Ele sacou o iPhone X do bolso para a foto, mas manteve uma distância segura do mundo externo.

Diamond DA40 (Imagem: divulgação/Diamond Aircraft)
Diamond DA40 (Imagem: divulgação/Diamond Aircraft)

Em um momento de turbulência de céu claro, a mão de David acabou indo mais para frente e com ela o iPhone X deixou de ter contato com os dedos. Ele caiu, com velocidade terminal estimada de quase 325 km/h e o aparelho logo chegou ao chão de terra em uma plantação de soja.

O iPhone X foi encontrado, mas sem bateria

David explica que não esperava encontrar novamente o aparelho, aceitando o fato de ser um modelo mais antigo (o iPhone X foi lançado em 2017) e sem 5G. O piloto então pegou um iPhone 6S como celular temporário enquanto não comprava um novo, quando resolveu abrir o aplicativo Buscar.

O app reúne todos os dispositivos vinculados com a conta da Apple do usuário, seja ele um iPhone, iPad, iPod Touch, Mac, Apple Watch ou mesmo os AirTags. “Para minha surpresa, o iPhone 6S mostrou um mapa com a localização do iPhone X, próximo da cidade de Blythe, no Arkansas”, explica David.

iPhone X (Imagem: divulgação/Apple)
iPhone X (Imagem: divulgação/Apple)

Além de apontar o local da queda, o mapa disse que a última atualização da localização aconteceu poucas horas antes da consulta. O rapaz então voou até o aeroporto mais próximo, alugou um carro e tentou encontrar o celular perdido. Após uma busca em área com diâmetro de aproximadamente 10 metros, o iPhone X foi encontrado – sem energia na bateria.

Depois de alguns segundos plugado em uma porta USB do próprio carro alugado, o iPhone X voltou a funcionar e David diz que nenhum dano foi encontrado na tela, nem mesmo no vidro da parte traseira.

Enfim, a sorte de David é rara e eu juro que quero um pouco dela. Sinto saudades do meu antigo Galaxy S7 Edge com tela quebrada.

Via: PhoneArena e Diamond Aviators.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!