Guia do Empreendedor

Entenda a importância de ter um bom site, com um design profissional

Equipe de Criação Olhar Digital
26/08/21 13h28, atualizada em 30/08/21 17h22
O vídeo está sendo carregado - aguarde...

O fechamento do comércio no ano passado, como forma de fortalecer as medidas de distanciamento contra a Covid-19, acelerou uma mudança que já vinha acontecendo. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, antes da pandemia estimava-se que 60 mil novas lojas virtuais seriam abertas em seis meses, mas de março a setembro de 2020 foram registradas mais de 135 mil.

E foi essa mudança que garantiu a sobrevivência de muitos negócios. Uma pesquisa realizada pela Neotrust com dados de compra no comércio eletrônico durante o primeiro trimestre de 2021 registrou 78,5 milhões de operações – um volume 57,4% maior do que no ano passado – com um faturamento de R$ 35,2 bilhões, um crescimento de 72,2%.

Embora muitos pequenos negócios obtenham algum sucesso por meio de vendas pelas redes sociais, ter uma conta no Instagram ou no Facebook não é o mesmo que ter uma verdadeira presença online.”, afirma o diretor de marketing da GoDaddy no Brasil, Luiz D’Elboux.

Ter um domínio particular e seu próprio site podem, inclusive, trazer mais relevância para o seu conteúdo nas redes sociais. Uma página personalizada faz com que seu proprietário controle sua narrativa: com texto, imagens e vídeos, a empresa pode mostrar o seu propósito e exibir um catálogo de produtos ou serviços.

Leia mais:

Ter um bom site, com um design profissional, não é exclusividade de grandes empresas. Segundo um levantamento realizado pelo Sebrae em parceria com a FGV, 69% dos pequenos negócios vendem de forma online e, de cada dez empresas, sete já comercializam seus produtos e serviços pela internet. E elas estão falando com um público novo e crescente: em 2020, 20,2 milhões de consumidores realizaram uma compra online pela primeira vez e 150 mil lojas começaram a vender por meio das plataformas digitais, segundo a ABComm.

E em muitos desses casos, o próprio empreendedor acaba responsável por gerenciar as redes sociais da empresa e, em muitos casos, tem que montar seu próprio site. Por não dominar ferramentas de desenvolvimento web, muitos deles hesitam em fazer o salto para o online. Mas aí vai uma dica: você não precisa entender muito da criação de sites para ter um.

Para o empreendedor se sentir mais seguro, a GoDaddy oferece um período de teste de 30 dias gratuitos. Dessa forma, o empresário pode criar e colocar no ar seu site antes mesmo de ter qualquer custo com ele. O Criador de Conteúdo para Marcas da GoDaddy, integrado ao criador de sites, ainda conta com uma biblioteca com artes pré-prontas, banco de imagens e elementos gráficos que podem ser customizados e postados no Instagram, Facebook e Twitter, para criar uma marca forte e profissional nas redes sociais. Além disso, a plataforma já vem com uma central de marketing digital completa, com ferramentas de gestão de redes sociais, otimização de SEO, e-mail marketing, integração e gestão de reviews do Google.

Clique aqui e veja como montar a sua loja online!

Deixe sua opinião
Tags