Mesmo antes de qualquer anúncio ou imagem oficial da Apple, alguns fabricantes já estão clonando o provável visual do Apple Watch Series 7. As cópias de um produto que ainda nem existe já estão circulando na China, baseando o acabamento em supostos vazamentos recentes.

O mundo dos rumores já ventila uma quantidade generosa de informações sobre como pode ser a próxima geração do Apple Watch, que certamente receberá o título de Series 7. As empresas responsáveis por criar cópias do relógio inteligente estão tão animadas com o que viram, que resolveram criar os primeiros clones do smartwatch com base apenas em boatos.

publicidade

Leia também

Eles, os boatos, apontam para um Apple Watch Series 7 com cantos recheados de ângulos retos, seguindo exatamente o mesmo visual adotado recentemente pelos iPads e iPhones. A tela provavelmente passará a não contar com qualquer curvatura e este conjunto de mudanças pode ser um dos maiores desde o Series 4 – que não alterou tanto a cara da primeira geração do relógio inteligente da empresa, lançado em 2015.

Cópia do Apple Watch Series 7 (Imagem: divulgação/Majin Bu)
Cópia do Apple Watch Series 7 (Imagem: divulgação/Majin Bu)

Os clones seguem esse visual: frente com vidro reto, caixa bastante quadrada e praticamente sem curvas, junto de mostradores muito parecidos com aqueles oficiais do próprio watchOS. As cópias utilizam até a coroa digital, junto do botão secundário logo abaixo dela. Nenhuma imagem chega a mostrar algum conector para bateria, então a alimentação destes produtos deve acontecer por indução magnética.

Como deve ser o Apple Watch Series 7

A distância do evento para o anúncio oficial do Apple Watch Series 7 vem diminuindo, já que a Apple certamente colocará o smartwatch em mais um evento virtual, no mês que vem. Os rumores mais recentes também apontam outras mudanças, como caixas maiores do que na versão anterior, levando as duas versões para um milímetro além da medida atual.

Mesmo com essa mudança, é provável que as atuais pulseiras para o Series 6 encaixem no modelo novo. Por dentro a Apple deve colocar um processador mais recente e potente, que também poderá ajudar em algumas horas extras para a autonomia de bateria.

Via: 9to5Mac.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!