As pessoas estão acostumadas a ver o mundo que é em 3D só que em versão 2D, seja na arte, na fotografia ou no cinema. Porém, ao fecharmos os olhos, como é possível visualizar as coisas que já vimos? Um novo estudo liderado pelas Universidades de Plymouth e Essex investigou essa questão e descobriu que muitos adultos resistem a imaginar sua própria visão como se fosse uma imagem plana.

Sendo assim, os resultados surgiram quando os pesquisadores mostraram a 58 adultos duas linhas em uma parede, ambas do mesmo comprimento, porém, uma estava mais perto do participante e parecia visualmente mais longa.

publicidade

Apesar da instrução para basear seus julgamentos especificamente na aparência, ou seja, a linha mais próxima deve ser mais longa, cerca de metade dos participantes julgou que as linhas pareciam iguais. Isso porque quando eles tiraram uma foto e foram questionados por quanto tempo eles apareceram na imagem, suas respostas mudaram.

Leia mais:

No entanto, quando foram questionados novamente sobre sua própria visão, eles voltaram à resposta original. O estudo sugere que mesmo quando os participantes são conscientes de como uma imagem 2D de sua visão pode parecer, eles tratam a entrada sensorial de maneira diferente.

O autor principal, Dr. Steven Samuel, professor de psicologia na Universidade de Plymouth, disse que “é complexo e emocionante descobrir como cada um de nós vê e visualiza coisas diferentes – e o fato de que metade de nossa população de estudo não pensava em 2D foi uma descoberta muito interessante. “

Fonte: Medical Xpress

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!