Segundo novo relatório, o novo Apple Glass de realidade aumentada e realidade virtual vai exigir conexão wireless com um iPhone ou outro dispositivo da Apple para funcionar. Segundo duas fontes internas anônimas revelaram ao The Information, o óculos de RA/RV da Apple vai funcionar como as primeiras versões do Apple Watch, onde o usuário precisava estar com seu iPhone para usar o gadget.

As fontes também disseram que a Apple já terminou o desenvolvimento do chip para o Apple Glass ano passado, com a Taiwan Semiconductor Manufacturing (TSMC) fabricando três chips, mas não em massa no momento. 

publicidade

O relatório afirma que os sistemas nos chips não são tão poderosos como os chips de iPhones, iPads e MacBooks. Esses chips não contam com as funções de inteligência artificial e aprendizado de máquina da Apple. Por causa disso, o Apple Glass vai exigir pareamento com dispositivos como um iPhone para conseguir lidar com as funções de realidade aumentada, realidade mista e realidade virtual.

Leia mais:

Outra informação sobre o Apple Glass vazada pelas fontes para o The Information: o sensor de imagens e driver do display são “excepcionalmente grandes”. As lentes devem ser grandes como as lentes de um headset, para capturar dados de alta resolução dos arredores do usuário. Mas a fonte apontou que a TSMC está tendo problemas para fabricar o chip para isso sem defeitos, atualmente apresentando uma baixa performance nos testes de produção.

Por fim, o relatório do The Information afirma que o plano da Apple é lançar o Apple Glass em 2023.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!