O número de ataques fraudulentos contra brasileiros chegou a 1,9 milhão no primeiro semestre de 2021, o que corresponde a um aumento de 15,6% com relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com o Indicador de Tentativas de Fraude da Serasa Experian, a alta foi puxada principalmente pelas ações criminosas contra pessoas de até 25 anos.

Os bancos e cartões registraram 1,2 milhão de tentativas de fraudes. O setor que teve maior crescimento no comparativo entre semestres deste ano e 2020 foi o varejo, com alta de 89,5%. Já os serviços de telecomunicações foi o único a registrar queda no número de ataques fraudulentos.

publicidade

Segundo o Indicador de Tentativas de Fraude, a região com mais ocorrências é a Sudeste, com pouco mais de 1 milhão, e a região norte apresentou o menor número, com 120 mil registros.

Entre as principais tentativas de fraude verificadas pela Serasa Experian, utilizando documentos falsos ou roubados e que deixam o prejuízo para a vítima, estão a compra de celulares, emissão de cartões de crédito, financiamento de eletrônicos no varejo, abertura de conta em banco, compra de automóveis e abertura de empresas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!