A Microsoft anunciou a abertura da terceira edição do programa Black Women in Tech, projeto de capacitação com foco na formação de mulheres negras para o mercado de tecnologia. Para se inscrever, as interessadas devem preencher um formulário através da plataforma Forms até 19 de setembro.

O projeto foi idealizado e é liderado por grupos de colaboradores da Microsoft e de voluntários em Diversidade e Inclusão da empresa – WAM (Women at Microsoft) e BAM (Blacks at Microsoft).

publicidade

Com 50 vagas disponíveis para mulheres pretas e pardas, o intuito é diminuir a lacuna desse grupo de profissionais especializadas em tecnologia, assim como ampliar a igualdade de gênero e racial no segmento.

Microsoft anuncia oBlack Women in Tech, 3° programa voltado para mulheres negras em tecnologia. Imagem: metamorworks/Shutterstock

O processo seletivo para concorrer a uma das vagas constitui em, além do preenchimento de um questionário enviado por e-mail às candidatas, um desafio virtual chamado Cloud Skill Challenge via Microsoft Learn, plataforma de aprendizado on-line gratuita.

Dentre os critérios para participar estão:

  • Ter mais de 18 anos;
  • Se autodeclarar preta ou parda;
  • Cumprir os requisitos do preenchimento do questionário.

O curso irá oferecer mentorias técnicas gratuitas, módulos focados em soft skills, desenvolvimento de carreira, inglês básico e certificações em Fundamentos do Microsoft Azure (AZ-900) e Fundamentos de Segurança (SC-900). As aulas têm previsão para iniciarem em 27 de setembro e irão até 22 de dezembro.

Como a maioria dos cursos em tecnologia, o Black Women in Tech também trará oportunidades de networking, com a participação das formandas na feira de empregabilidade promovida pela Microsoft.

Todos os mentores do programa são funcionários da própria empresa, membros ou aliados das iniciativas e grupos de Diversidade associados à companhia, que disponibilizam seu tempo voluntariamente ao projeto.

Leia mais!

A primeira edição do Black Women in Tech formou 26 mulheres no final de 2020. Já a segunda, em maio deste ano, formou 35 novas profissionais.

A Microsoft está no Brasil há 32 anos e, em 2019, investiu mais de R$ 48 milhões para levar tecnologia gratuitamente a 2.038 ONGs no país.

Desde 2011, a empresa também já apoiou mais de 7,1 mil startups no Brasil por meio de doações de mais de US$ 200 milhões em créditos de nuvem.  

Crédito imagem principal: Prostock-Studio/iStock

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!