Esta semana foi lançada a versão beta de interface de usuário (UI) One 4.0, a abordagem da Samsung para a atualização para Android 12 nos celulares da marca. A redação do site 9to5Google testou a interface em um celular Galaxy S21, e a constatação deles é que o Android 12, por enquanto, não traz muitas das mudanças esperadas em design para os celulares da Samsung.

Enquanto o Android 12 traz um novo pacote gráfico interessante para celulares Pixel do Google, que também desenvolve o sistema operacional Android, na UI One 4.0 da Samsung é difícil notar mudanças. O menu de configuração rápida ganhou uma barra de rolagem mais grossa e brilhante. Notificações ganhou um redesign condensado e removeu “alertas de notificações” mas sem retirar a funcionalidade. O seletor de widget e app de câmera também ganharam uma repaginada bastante discreta, até mesmo “chata”, como o autor do 9to5Google descreveu. Diferente do que acontece com o Android 12 nos aparelhos Pixel, há poucas opções para personalizar cores e designs na interface.

publicidade

Já no quesito funções, é possível ver mais mudanças no Android 12 para a Samsung. O UI One 4.0 conta com um “Painel de Privacidade”, que mostra quais apps pediram sua permissão para compartilhar dados. A UI também conta com atalhos para bloquear totalmente câmera e microfone quando necessário, e os usuários podem escolher entre localização “aproximada” e “exata” dependendo da necessidade. Mas essas funções estão incluídas na atualização para Pixel.

Leia mais:

Nos EUA e Europa, a atualização de UI da Samsung supostamente conta com suporte para eSIM, o que não está incluso no Android 12. No entanto, os usuários locais que tentaram usar a função ainda não conseguiram.

Vale apontar que a Samsung pode modificar sua interface para Android 12 no futuro, e trazer as mudanças de design mais interessantes para seus celulares. Se o Google está “poupando” seus melhores redesigns para seus próprios celulares, não há provas. Mas quando os smartphones Pixel receberem um reboot ano que vem, essa diferença pode realmente favorecer o Google.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!