Um consórcio de quatro empresas britânicas elaboraram um conceito de roadster elétrico, o Aura, desenvolvido para rodar longas quilometragens com baixíssima emissão de poluentes. A proposta de automóvel, fundada pelo Escritório de Veículos de Zero Emissão (OZEV), surgiu para combater a noção de que veículos elétricos possuem baixa autonomia, já que esse esportivo roda até 400 milhas (pouco mais de 640 km) numa carga completa.

Revelado durante a feira CENEX-LCV, o Aura é uma mistura de design futurista com os conversíveis dos anos 50. Desenvolvido com fibra de compostos naturais, todos os detalhes do automóvel são pensados para viabilizar a longa autonomia do carro conceito.

publicidade
carro conceito elétrico Aura
Aerodinâmica é baseada em mecânicas de fluídos de ar desenvolvida em liga leve de fibra. (Imagem: Motor1)

A depressão no capô, por exemplo, foi desenvolvida por computador para aproveitar a aerodinâmica do fluxo do automóvel. As rodas traseiras do Aura também são cobertas para reduzir atrito, o que confere ao carro elétrico esse aspecto meio de banheira gigante.

carro conceito elétrico Aura
Rodas cobertas ajudam a proteger de atritos laterais. (Imagem: Motor1)

As duas baterias de 44 kWh estão distribuídas pelo veículo, com uma delas na parte frontal e outra no inferior do chassi. A dinâmica entre as posições deve equilibrar melhor o peso dos componentes no eixo do automóvel. O trem de força, desenvolvido pela Potenza Technology, equipou o veículo com rodas de grande diâmetro e baixa resistência, para reduzir fricção contra o solo.

Sistema do Aura também quer remover insegurança sobre carro elétrico

carro conceito elétrico Aura
Modelo é prova de diversas tecnologias de suas desenvolvedoras em conjunto. (Imagem: Motor1)

Os criadores do conceito não divulgaram informações sobre motor, portanto, fica difícil estimar velocidade e torque do Aura. Ao invés disso, o foco da banheirona elétrica é provar que carros elétricos podem ir longe, são confiáveis e não deixarão você na mão.

Além de toda a estrutura de liga leve e bateria dupla, o conceito possui um sistema de cálculo de trajeto específico da Spark EV. Em linguagem Android, o computador de bordo mostra não apenas a navegação do Aura, mas também até onde a carga disponível consegue levar o carro elétrico.

painel do Aura
GPS do Aura separa, em círculo, até onde o automóvel consegue ir com a carga presente. (Imagem: Motor1)

A startup estima que o sistema oferece uma avaliação de bateria com precisão de 99,5% e que, à medida que aprende os hábitos do motorista, consegue adaptar o desempenho.

Por ser uma prova de conceito, o Aura ainda não possui ofertas de comercialização. É possível que as fabricantes utilizem o automóvel como prova de funcionamento de seus respectivos componentes aos investidores.

Via Autocar

Imagem: Reprodução/Motor1

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!