Uma equipe de idosos gamers profissional sênior de eSports, com idade média de 70 anos, foi lançada na província de Akita, no Japão. Apresento a vocês, então, os membros da “Matagi Snipers“, time composto por oito homens e mulheres com idades entre 66 e 73 anos, e que tem até patrocinadores por trás! O fato, já raro na indústria, tornou-se notícia no país asiático e viralizou nas redes sociais após reportagem feito pelo canal de TV local NHK.

O time foi criado com o intuito de mostrar os benefícios de games e eSports para a saúde dos adultos mais velhos, bem como forma de conexão (e para impressionar, vamos lá) com os filhos e netos. De acordo com a NHK, vinte e uma pessoas se inscreveram para entrar na equipe, mas apenas oito conseguiram – mesmo que não fossem necessariamente jogadores de alto nível ou sequer jogadores.

publicidade

“Até agora, eu nunca havia jogado videogame na vida”, afirmou Eba à reportagem, uma mulher de 67 anos, que ainda explicou como a nova atividade era preventiva para o próprio comprometimento cognitivo. “Quando eu jogo, tento formular estratégias e conversar com meus amigos, bem como utilizo ao máximo meus olhos e mãos. Achei que era bom para prevenir a demência. Quero continuar a fazer o meu melhor”.

idosos gamers
Eva, de 64 anos, é uma “idosa gamer”; equipe de eSports no Japão é formada por competidores de 66 a 73 anos. Imagem: NHK/Reprodução

O “Matagi Snipers’, acredite, não é a primeira equipe de eSports para idosos gamers. Em 2017, a mídia especializada ficou maravilhada com o desempenho do “Silver Snipers”, time sueco de ‘CS:GO’ (‘Counter Strike’) patrocinado pela Lenovo, por causarem grande impacto nas competições. A idade média dos membros, na época, era de 60 anos.

Mostrar uma gama mais ampla de pessoas jogando torna o eSports mais inclusivo, de fato. Em 2020, também no Japão, uma instalação exclusiva para idosos chamada ISR Esports foi inaugurada, na região de Kobe. Atendendo a pessoas com mais de 60 anos, a empresa tem como objetivo apresentar “o mundo dos videogames” para iniciantes

Leia mais:

Ao canal local ABC TV, um homem de 88 anos que frequenta o local há um ano, admitiu que antes não gostava muito de jogos, mas agora ele vê que são bastante divertidos. “Isso porque existem muitos tipos diferentes”, disse.

A verdade é que há um apetite cada dia maior por jogos entre os idosos gamers, de acordo com recente estudo feito pela Global Web Index (GWI), empresa que trabalha com pesquisas de marketing. Nos últimos três anos, houve uma alta de 32% entre os jogadores da faixa etária de 55 e 64 anos, segundo o relatório.

Fontes: Kotaku e NHK

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!