Quem tem fobia de agulha pode ter uma ajuda na hora de tomar a vacina. Isso porque um grupo de cientistas está desenvolvendo um adesivo que pode ser usado no lugar da seringa. O dispositivo feito em impressora 3D conta com microagulhas que injetam o líquido na pele.

Segundo os pesquisadores da Universidade de Stanford, os testes ainda mostram que a eficácia do adesivo na aplicação é até 10 vezes maior do que a de uma seringa comum. Outra vantagem é que o produto pode ser aplicado pelo próprio paciente.

publicidade

Vacina por adesivo

“No desenvolvimento desta tecnologia, esperamos estabelecer a base para um desenvolvimento global ainda mais rápido de vacinas, em doses mais baixas, de uma maneira livre de dor e ansiedade”, explicou Joseph M. DeSimone, principal autor da pesquisa.

Ainda de acordo com o estudo, enquanto uma vacina convencional subcutâneas é aplicada na camada de gordura corporal abaixo da pele, a técnica da microagulha dispara o líquido na derme, uma das camadas da própria pele.

Apesar da praticidade, a vacina por adesivo pode não ser tão acessível devido aos custos. A produção desses dispositivos não é simples e apesar da eficácia maior na proteção concedida, a taxa de erro na hora da vacinação, devido a problemas com a ponta das microagulhas, é mais elevada do que a de uma seringa convencional. No entanto, a técnica pode ser uma opção para quem sofre de medo de agulha e não consegue tomar a vacina.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!