A DC Comics irá distribuir gratuitamente tokens não fungíveis (NFTs) de capas de quadrinhos clássicos, os quais estampam os super-heróis da marca.

Todos os fãs que estiverem inscritos no FanDome são elegíveis e poderão ganhar um exemplar do token. O primeiro NFT será disponibilizado na próxima segunda-feira, 5 de outubro.

publicidade

O FanDome é realizado pela Warner Bros. Entertainment e teve sua primeira edição no ano passado, quando contou com 8 horas durante as quais a empresa apresentou os principais projetos planejados para o Universo Estendido DC nos cinemas.

A atração, criada em decorrência da pandemia, aconteceu de forma online e está programada para funcionar no mesmo formato neste ano.

Imagem mostra três NFTs da DC Comics. Da esquerda para a direita tem-se o token da Mulher Maravilha, do Batman e do Super-Homem
Na imagem, três dos NFTs da DC Comics: Mulher Maravilha, Batman e Super-Homem. Crédito: Montagem Olhar Digital/Divulgação DC Comics

O NFT será escolhido aleatoriamente e os sortudos que ganharem seu exemplar poderão ser elegíveis para um token adicional, também de forma gratuita, se postarem nas redes sociais sobre o primeiro.

Para criar os tokens especiais, a marca selou uma parceria com Palm NFT Studio. Essa é a primeira coleção de NFTs da empresa, fazendo com que entre “oficialmente no mundo da tecnologia blockchain”, como ela mesma detalha no site oficial.

Dentre os DC NFTs, selecionados por um dos mais icônicos executivos da, o desenhista sul-coreano Jim Lee, estão os exemplares com os seguintes personagens: Batman, Super-Homem, Lanterna Verde, Mulher Maravilha e Arlequina.

Todos os tokens lançados para esta primeira coleção terão três níveis de raridade: Comum, Raro e Lendário.

Por exemplo, os fãs da Mulher Maravilha podem colecionar um NFT Comum da Mulher Maravilha nº 1 de 1987, de George Peréz; um exemplar Raro, representado por “Nubia e as Amazonas #1”, de Alitha Martinez; ou um exemplar Lendário, representado por uma imagem de Yara Flor em “Future State: Wonder Woman”, de Jenny Frison.

Leia também!

A DC escolheu o Palm NFT Studio para criar seus NFTs por conta da tecnologia “ambientalmente sustentável e com eficiência energética” que permeia a blockchain da companhia.

As empresas, no entanto, não divulgaram o total de tokens que compõem a coleção completa. “O lançamento homenageia nossa história de 87 anos, ao passo que visualiza um futuro no qual os NFTs desempenham um papel fundamental em novas maneiras de interagir com o conteúdo da DC e desbloquear novas experiências”, afirmou Jim Lee, em um comunicado.

A transmissão do FanDome acontece ao vivo no sábado, 16 de outubro, com legendas disponíveis em 12 idiomas, incluindo português brasileiro.

Crédito da imagem principal: DC FanDome/Divulgação

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!