A desenvolvedora indie brasileira Pulsatrix Studios anunciou que vai receber um investimento da Epic Games através do programa de bolsas para jogos da produtora, batizado de Epic MegaGrant. O incentivo vai ajudar na conclusão do game de terror ‘Fobia – St Dinfna Hotel‘, o primeiro – e já aclamado – título feito pelo estúdio nacional (veja o trailer abaixo).

No futuro jogo de terror psicológico, anunciado em 2020, os usuários assumem o papel do jornalista Roberto, enquanto ele investiga eventos sobrenaturais no Hotel Santa Dinfna, explorando ambientes assustadores e resolvendo puzzles enigmáticos, enquanto tenta sobreviver a perigosos desconhecidos.

publicidade

“Ainda é muito raro jogos desenvolvidos no Brasil receberem bolsas internacionais e isso é parte do que torna a Epic MegaGrant tão especial. A Epic não está apenas apoiando uma ideia, eles avaliaram o ‘Fobia’ e enxergaram a qualidade do jogo que estamos desenvolvendo”, celebrou Thiago Matheus, CEO da Pulsatrix. “Estamos muito orgulhosos do que conseguimos alcançar até agora, e a MegaGrant serve como um reconhecimento de todo o trabalho que a equipe da Pulsatrix vem realizando”.

Matheus também destaca a qualidade na produção do título como motivo principal receber o incentivo da Epic Games, e não é pra menos: ‘Fobia’ ainda nem foi lançado e já recebeu o prêmio de “Melhor Visual de Jogos” na SBGames 2020, um dos maiores festivais do nicho na América Latina.

Desde o lançamento da demo, em agosto do ano passado, o ‘Fobia’ foi incluído na ‘listas de desejos’ de mais de 10 mil usuários da Steam – onde você pode baixar a demo para jogar agora mesmo!

Leia mais:

Com dublagem totalmente em português e inglês, bem como suporte RTX em plataformas selecionadas, ‘Fobia – St Dinfna Hotel’ não tem data de lançamento definida, mas estará disponível para PC, PlayStation 5 (PS5), PlayStation 4 (PS4), Xbox One e Xbox Series X/S. O site oficial do jogo é constantemente atualizado com novidades sobre o game.

Lançado em 2019, a Epic MegaGrants é um programa de US$ 100 milhões que oferece suporte a desenvolvedores de jogos no mundo todo. A verba auxilia também profissionais corporativos, criadores de mídia e entretenimento, alunos, educadores e desenvolvedores de ferramentas que produzem “coisas incríveis” com o Unreal Engine, ou mesmo aprimoram os recursos de código aberto para a comunidade de gráficos 3D.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!