A Campus Party Brasil, um dos maiores festivais de tecnologia, educação e empreendedorismo, anunciou uma nova edição. Após dois anos totalmente online, o evento será realizado em formato híbrido em novembro. Nos dias 11 e 12, a programação será virtual, enquanto nos dias 13 e 15, o Centro de Eventos do Anhembi estará aberto ao público.

Em virtude da pandemia, a Campus Party obedecerá aos protocolos de segurança em vigor estabelecidos pelo governo do Estado de São Paulo. Uma das regras é a limitação para 3 mil ingressos. Para evitar aglomerações, somente 700 pessoas poderão acampar no local.

publicidade
Gamers brasileiros jogam mais durante pandemia. Imagem: Gorodenkoff/shutterstock.com
Um campeonato de “Free Fire” também será realizado no evento. Imagem: Gorodenkoff/shutterstock.com

O evento contará com dois palcos, um focado em criatividade, entretenimento, educação e cidades. O segundo, apelidado como “fábrica de empreendedores”, será dedicado a temas relacionados ao desenvolvimento de negócios promovidos pelo Sebrae.

Leia mais:

Como de costume, a Campus contará com outros espaços para a realização de workshops, hackatons, game jams e para o “Campus Jobs”, que reunirá palestras com especialistas em setores de TI como desenvolvimento de software e análise de dados.

“(…) ter a oportunidade de voltarmos à Campus Party, de forma presencial, mesmo com espaço e público reduzido, será muito especial. Queremos fazer um evento seguro, em parceria com a prefeitura de São Paulo, para todos aqueles que estiverem participando, mostrando que esta edição será o pontapé inicial para temporada de eventos do ano que vem, com a expectativa de retornamos ao tamanho e modelo reconhecido pelo público”, explica Tonico Novaes, CEO da Campus Party Brasil.

A Secretária de desenvolvimento econômico, ciência e tecnologia do Estado de São Paulo, Patricia Ellen, afirma que a nova edição marca a retomada segura do evento.

“Estamos trabalhando em uma parceria que vai gerar impacto para os jovens e gamers de São Paulo e do Brasil. Teremos uma Game Jam e um Campeonato de Free Fire para motivar os estudantes da rede pública, sobretudo das ETECs e FATECs. Desta forma, será possível eles colocarem em prática suas vocações nos jogos digitais e também solucionar grandes desafios globais no mundo digital”, disse.

Venda de ingressos para a Campus Party Brasil

Vale ressaltar que a venda de ingressos já está aberta no site do evento. O primeiro lote será vendido por R$ 175 até o dia 23 de outubro. No segundo lote, que vai até 7 de novembro, o valor aumenta para R$ 200. Por fim, o último lote terá o valor de R$225.  Entre 13 e 15 de novembro também haverá venda de ingressos no Anhembi, que fica na Av. Olavo Fontoura 1209 – Santana.

Para o camping individual e duplo, os valores citados antes são acrescidos de R$100 e R$150, respectivamente.

Segundo os organizadores, a Campus Party conta hoje com mais de 550 mil “campuseiros” cadastrados em todo mundo. O evento já está presente no Brasil há dez anos.

Créditos da imagem principal: Campus Party/Divulgação

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no nosso canal.