O Windows 11 já está recebendo as primeiras atualizações para consertar bugs encontrados no novo sistema operacional. O primeiro patch saiu na terça-feira, e outra atualização foi lançada hoje nos canais Beta e Release Preview do Windows Insider.

O principal bug a ser consertado no Windows 11 é um problema de latência de cache L3 dos processadores AMD Ryzen. A própria AMD afirma que o bug reduz a performance de seus processadores em 3 a 5%. A primeira atualização desta semana na verdade piorou a situação, mas os testes devem resolver o problema em breve. 

publicidade

E o bug de latência é apenas um dos problemas identificados pela AMD no Windows 11. Outro bug pode impedir que os chips Ryzen de alta potência e vários núcleos atribuam corretamente o trabalho aos núcleos individuais mais rápidos do processador. Esse bug, no entanto, deve ser corrigido por uma atualização de driver da AMD. 

Segundo um post no Reddit, a atualização do Windows 11 deve chegar ao público no dia 19 de outubro, terça-feira, enquanto a atualização de driver da AMD chega no dia 21.

Leia mais:

A nova atualização do Windows 11 também deve abordar outros bugs descobertos recentemente. Em um deles, os usuários que estão fazendo o upgrade para o novo SO não estão conseguindo ver a Barra de Tarefas nem o Menu Iniciar. Outro bug no PowerShell estava enchendo a memória dos PCs com “infinitas subpastas” quando os usuários tentavam mover uma pasta para sua própria subpasta. Outros bugs estavam provocando travamentos e lentidão nos computadores.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!