O Banco Central (BC) publicou na sexta-feira (15) uma atualização sobre as regras do PIX para as instituições financeiras participantes do serviço. A mudança, que altera a antiga instrução normativa, restabelece o formato, a periodicidade e as informações a serem prestadas pelas empresas que possuem o método de pagamento.

Agora, dados como ano, período, quantidade, montante financeiro, detalhamento e finalidade das transações devem ser enviados até o 5º dia útil do mês subsequente. 

publicidade

Além da instrução normativa, publicado do Diário Oficial da União (DOU), o BC também divulgou nesta terça-feira (19) o Relatório de Estabilidade Financeira (REF) referente ao primeiro semestre de 2021, onde apontou que a recuperação econômica já está acontecendo para algumas empresas e bancos.

Computador com logo do Banco Central
BC atualiza regras do PIX para instituições financeiras e divulga relatório que aponta recuperação econômica. Imagem: Monticello/iStock

“O BC avalia que não há risco relevante para a estabilidade financeira. No primeiro semestre de 2021, o Sistema Financeiro Nacional (SFN) manteve as provisões elevadas, as perdas esperadas com crédito se reduziram, a capitalização do sistema bancário melhorou, e a liquidez manteve-se confortável”, afirmou o banco em nota.

E continua: “A recuperação econômica permitiu que as empresas de capital aberto melhorassem a situação econômico-financeira e que as empresas de grande porte voltassem ao mercado de capitais. Empresas de menor porte, por sua vez, impulsionaram o crédito bancário, mesmo com o arrefecimento dos programas emergenciais de crédito. A expansão do crédito a pessoas físicas é condizente com os fundamentos econômicos e ocorre em praticamente todas as modalidades”.

Leia mais!

Segundo a instituição, referente aos bancos, “a rentabilidade retornou ao nível pré-pandemia” e sugere que “não haverá alteração significativa nas despesas com provisões no curto prazo.”

O documento especifica, ainda, que a principal causa para a recuperação da rentabilidade é o menor volume de despesas com provisões. 

Clique aqui para ter acesso ao REF do 1º semestre de 2021 completo.

Crédito imagem principal: Shutterstock

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!