Games e Consoles

PS5 ultrapassa 13 milhões de unidades vendidas no mundo

28/10/21 15h47
Estoque do PS5 continuará em baixa nos próximos meses

De acordo com o mais recente relatório financeiro da Sony, o PlayStation 5 (PS5) ultrapassou a marca de 13,4 milhões de unidades vendidas no mundo. Do total, 3,3 milhões de consoles foram vendidos no 3º trimestre de 2021 – período referente entre julho e setembro. Por mais que mantenha o título de hardware que vende mais rápido na história da empresa, o crescimento ficou abaixo do esperado.

Conforme apontam analistas da indústria games, o principal motivo se dá por conta de um problema que atinge todo o setor de tecnologia: a escassez de chips semicondutores para a fabricação do videogame. A situação se agrava ainda graças à demanda pelo PS5, que continua grande.

Segundo o analista do Ace Research Institute, Hideki Yasuda ao site Bloomberg, a Sony não conseguirá aumentar a meta de vender 14,8 milhões de unidades ao longo desse ano fiscal justamente devido à escassez de chips.

Com apenas 4 meses de mercado, PS5 é o console que vende mais rápido na história. Imagem: Sony/Divulgação

E as notícias incômodas não acabam por aí: a PlayStation Network (PSN), por sua vez, registrou queda de usuários ativos, com 104 milhões de jogadores no total. A Sony também viu no 3º trimestre menos assinantes do serviço PS Plus, que atualmente com 47,2 milhões de jogadores. Vale ressaltar que, recentemente, a Microsoft divulgou um aumento de 16% em sua divisão de games – com crescimento de 166% na demanda pelos Xbox Series X e S.

Porém, a Microsoft opta por não divulgar os números exatos de venda dos console, mas analistas da indústria estimam que os números estejam em 8 milhões de unidades vendidas. A última vez que a empresa revelou resultados do Xbox Game Pass, por exemplo, havia 18 milhões de assinantes (ou já teria superado os 20 milhões).

Mesmo assim, a Sony como um todo colheu bons resultados, com um aumento de lucros (6%) na meta para o ano fiscal, estimada em 1,05 trilhão de yuans (algo em torno de R$ 51 bilhões), graças aos bons resultados no trimestre.

Leia mais:

Por mais que a procura por jogos aparentemente tenha diminuído após o período de isolamento social mais rígido e a receita tenha mostrado que os consumidores começaram a gastar menos em transações dentro dos títulos, a empresa avalia ainda que a divisão de jogos é a mais lucrativa, em comparação com música ou filme.

Para se ter uma noção, em termos de vendas, todo o departamento de jogos gerou US$ 5,68 bilhões em receita no segundo trimestre de 2021, o terceiro melhor período desde o lançamento do PS5.

Durante o período, a Sony vendeu 76,4 milhões de jogos, dos quais 7,6 milhões são ‘”First Party” – ou seja, títulos produzidos pela própria empresa. ‘Spider-Man: Miles Morales’ é o game mais comprado para PS5 até agora, com 6,5 milhões de unidades vendidas, seguido pelo remake de ‘Demon’s Souls’ (com 1,4 milhão) e o mais recente ‘Ratchet & Clank: Em Uma Outra Dimensão‘, com 1,1 milhão.

Fontes: Gamespot e Eurogamer

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!


Amazon Prime também é feito para jogadores!

Todo mês, obtenha itens exclusivos, jogos grátis, uma assinatura gratuita na Twitch.tv e muito mais com sua assinatura Prime. Clique aqui para um teste gratuito de 30 dias.

Deixe sua opinião
Tags