Os cinco diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) denunciaram ter recebido e-mails com ameaças de morte na última quinta-feira (28). Os autores das mensagens exigiam que a agência não aprovasse nenhuma vacina para crianças de 5 a 9 anos.

As mensagens não citaram vacinas específicas, porém, atualmente, a agência está focada na deliberação sobre vacinas contra a Covid-19. Além disso, os imunizantes contra o coronavírus têm sido o centro de muitas polêmicas e alvo de desinformação ao redor do mundo.

publicidade

Resposta da Anvisa

Em nota, a Anvisa declarou que enviou ofícios às autoridades policiais, além de ter informado o Ministério Público, nos âmbitos federal, estadual e distrital. Segundo a agência, as comunicações foram feitas por conta da gravidade das ameaças e para “adoção das medidas cabíveis”.

As ameaças de morte feitas aos diretores da Anvisa também teriam sido enviadas para instituições escolares do estado do Paraná.

Leia mais:

Os diretores da Anvisa ganharam destaque na mídia por terem aprovado normas para uso de vacinas contra a Covid-19 no Brasil.

Os funcionários da agência foram responsáveis pela aprovação dos imunizantes da Sinovac/Butantan, AstraZeneca/Fiocruz, Pfizer e Janssen. Além disso, os diretores também deliberaram contra a aprovação da vacina Sputnik V, desenvolvida pela Rússia.

FDA aprovou vacinas para crianças

Criança sendo vacinada
FDA aprovou vacinação de crianças de 5 a 11 anos nesta sexta-feira (29). Crédito: Ira Lichi/Shutterstock

A notificação das ameaças pela Anvisa chegam no mesmo dia em que a Food and Drug Administration (FDA), órgão que é similar à agência nos Estados Unidos, aprovou o uso da vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos de idade.

A decisão do órgão chegou apenas alguns dias após conselheiros da FDA terem recomendado o uso do imunizante para a população dessa faixa etária. Estima-se que mais de 28 milhões de crianças estadunidenses entre 5 e 11 anos recebam a vacina após a aprovação.

Confira mais detalhes sobre a aprovação da vacina da Pfizer para crianças na reportagem do Olhar Digital.

Via: Correio Braziliense

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!