O CEO da indiana Ola Electric, Bhavish Aggarwal, postou um vídeo no Twitter em que scooters elétricas S1 realizam diversas manobras radicais. As pequenas motos se mostraram também potentes, em uma combinação de praticidade e diversão.

Em um pouco mais de um minuto, é possível ver dois pilotos (aparentemente, profissionais) em truques como subindo rampas em alta velocidade e descendo em um pulo acrobático. Há também “zerinho” (quando a e-scooter gira em torno da sua roda dianteira, em voltas de 360 graus), manobras empinando com a roda da frente (e com a roda de trás) e muita fumaça dos pneus. Confira:

publicidade

Aggarwal informou em seu post que os testes oficiais para as scooters Ola S1 começarão esta semana, com as primeiras entregas sendo programadas para começarem logo depois. Mais comedido, o CEO também postou uma foto onde aparece montado em uma de suas motos, celebrando o Diwali (festa religiosa hindu, conhecida também como o Festival das Luzes), que ocorreu no dia 04 de novembro.

CEO da empresa montado em uma scooter S1 com uma mulher na garupa
Bhavish Aggarwal montado em uma scooter Ola S1 e desejando um Feliz Diwali. Durante a comemoração, celebrada uma vez ao ano, as pessoas estreiam roupas novas, dividem doces e lançam fogos de artifício – Imagem: Reprodução/Twitter

Problemas nas entregas

Pretendendo fabricar 10 milhões de unidades por ano de seus dois modelos (S1 e S1 Pro), a Ola tem apresentado alguns problemas com relação a entregas. Os primeiros clientes deveriam receber suas motos em outubro, mas ainda estão esperando por elas, sem terem uma confirmação de data exata para receberem seus veículos.

Ambas as versões apresentam especificações que chamaram a atenção nos últimos meses. O modelo S1 ostenta uma velocidade de até 90 km/h e um alcance de até 121 km com uma única carga. Já a e-scooter S1 Pro aumenta esses números ainda mais, com a velocidade máxima sendo de 115 km/h e o alcance prometido de 181 km com uma carga.

Disponíveis em várias cores e em acabamento brilhante ou fosco, há dois modos de pilotagem com a versão padrão S1 (Normal, Sports). A Ola S1 Pro adiciona um terceiro modo, chamado Hyper. Os preços das motos elétricas vão de 100 mil a 130 mil Rúpias Indianas, cerca de R$ 7 mil a R$ 9 mil na conversão direta, sem taxas de importação.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.