Talvez – e apenas talvez – Elon Musk esteja exigindo demais de seus funcionários, já que alguns trabalhadores da SpaceX, a empresa aeroespacial fundada pelo bilionário, foram flagrados “fazendo crossfit” na área externa do prédio onde está instalado o “Mechazilla”, o braço robótico cuja função é “agarrar” a nave Starship, quando ela for e voltar da órbita da Terra.

Ou isso, ou a SpaceX tem um benefício de fazer inveja a qualquer RH pois, convenhamos, fazer uma sessão de “barra fixa” – onde você se pendura… bem, em uma barra e tenta puxar o próprio corpo para cima – com uma vista tão aberta, deve ser no mínimo algo estimulante. O vídeo foi capturado pelo videomaker e autodeclarado fã da empresa, “LabPadre”, e compartilhado no Twitter:

publicidade

Leia também:

E você aí se achando grandes coisas com 50% de desconto na academia pelo vínculo com a empresa…

Pelo vídeo acima, os trabalhadores da SpaceX parecem estar levando o “crossfit” a sério na parte interna da estrutura do Mechazilla. É bem provável que eles tenham minimizado possíveis riscos de queda, não que dê para ver algo assim no vídeo, mas deve haver algum apoio por baixo no caso de alguma mão escorregar.

Ou isso, ou a Administração de Segurança Ocupacional e Saúde (OSHA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos vai chamar algumas pessoas para uma conversa mais séria.

Exercícios para fortalecer as costas à parte, a SpaceX está no palco central de um evento que a empresa deve promover logo, se tudo der certo: a Starship, atualmente em seu protótipo SN20, vem sendo aprovada em tempo recorde em todos os tipos de testes de resistência e capacidade, tudo no intuito de fazer um voo inaugural de teste em direção à órbita da Terra ainda este ano – provavelmente dezembro, embora nada ainda esteja confirmado.

Uma parte desse processo envolve o Mechazilla – justamente a estrutura onde os trabalhadores foram vistos se exercitando: a grosso modo, ele consiste de um conjunto de oito braços robóticos incumbidos de “agarrar” a Starship quando ela voltar do voo orbital. Se seu papel for desempenhado de forma satisfatória, a SpaceX terá enfim provado que a nave é capaz de voar a distâncias mais longas no espaço, se credenciando para executar missões de longo alcance para a Nasa (com quem tem um contrato bilionário).

Enquanto esperamos para saber se a SpaceX cumprirá esse papel, fica a pergunta: será que Elon Musk também treina com a equipe? Três séries de 10 a 12 repetições? Certamente, parece ser o tipo de questionamento que precisamos descobrir neste instante.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!