A Prefeitura Municipal de São Paulo anunciou, nesta quarta-feira (10), que a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção em locais públicos deve permanecer até o início de dezembro. A decisão foi tomada usando como base um estudo da Vigilância Sanitária do município.

A pesquisa realizada e apresentada em coletiva de imprensa nesta manhã levou em consideração indicadores epidemiológicos que mostram o nível da transmissão comunitária e indicadores de assistência.

publicidade
Máscaras no Brasil
Covid-19: Prefeitura de SP mantém obrigatoriedade do uso de máscaras até dezembro. Imagem: Rovena Rosa/Agência Brasil

“O estudo realizado pela Vigilância Sanitária com esse plano bastante sólido, quer seja dos indicadores da pandemia ou quer seja os indicadores da assistência, nós mantemos o uso das máscaras na cidade de São Paulo, devendo fazer uma nova avaliação no início do mês de dezembro”, explicou o secretário de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido.

A médica sanitarista Paula Bisordi, coordenadora do Núcleo de Vigilância de Doenças Agudas Transmissíveis da Coordenaria de Vigilância em Saúde (Covisa), relatou que os três principais indicadores são: incidência, transmissão comunitária e mortalidade. Segundo Bisordi, a nota final leva em maior consideração o nível de mortalidade e incidência dos casos hospitalizados, assim sendo, São Paulo está no nível 2 de transmissão da Covid-19.

“No momento, a situação atual é de uma estabilidade dessas taxas de Covid-19, que colocaria aí esse classificador colocado como moderado”, concluiu a sanitarista.

Leia também!

Especula-se que a liberação do uso de máscaras em locais públicos em São Paulo ocorra no dia 5 de dezembro, desde que mais de 95% da população acima de 12 anos esteja imunizada contra a Covid-19 e que as mortes causadas pela doença sigam em queda.

A decisão da Prefeitura de São Paulo vai de encontro com a posição do governo estadual de João Doria (PSDB) e seus especialistas, que acreditam que ainda não é o momento para realizar a liberação.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!