Um grupo de pessoas antivacina da Grécia protagonizou um episódio curioso na tentativa de não se imunizar contra a Covid-19. Após subornar os médicos para receberem água no lugar de vacinas, os profissionais enganaram o grupo, embolsaram o dinheiro, mas vacinaram eles mesmo assim.

Assim como nos Estados Unidos, o movimento antivacina ganhou bastante força em diversas regiões da Europa, incluindo o Mediterrâneo, onde fica a Grécia. Por lá, uma prática conhecida como “vacinação falsa” tem ganhado bastante espaço.

publicidade

Passaportes de vacina falsos

Estima-se que pelo menos 100.000 gregos tenham tentado fraudar os passaportes de vacinas. Imagem: jacoblund – Istockphoto

Como o país adotou a estratégia do passaporte de vacinas no ambiente de trabalho, muitas pessoas que não querem se imunizar têm pedido para médicos injetarem água neles ao invés das vacinas. Estima-se que entre 100 e 200 centros de vacinação gregos tenham participado do esquema.

Nestes centros, é cobrado um valor de 400 euros (cerca de R$ 2.500) para que as doses reais sejam trocadas por seringas com água. Porém, para alguns membros deste grupo, o tiro acabou saindo pela culatra e, além de perder dinheiro, eles acabaram vacinados.

Leia mais:

Em um dos postos de vacinação, o valor da propina foi oferecido a alguns médicos, que aceitaram, embolsaram o dinheiro, mas, ao invés de água, aplicaram o imunizante nos fraudadores. Como a prática que eles tentavam é ilegal, eles não têm a quem recorrer para reaver o dinheiro.

Não foi uma causa nobre

Porém, de acordo com a rede de TV grega Mega, os médicos não tinham uma causa lá tão nobre para vacinar os fraudadores. Eles aplicaram as vacinas ao invés de água por medo que a fraude fosse descoberta por seus superiores e eles recebessem alguma punição.

Em setembro deste ano, a Grécia anunciou a adoção de medidas duras contra médicos que emitem certificados falsos de vacinação. Estima-se que pelo menos 100.000 gregos tentaram receber os certificados de vacinação, mas sem se vacinar para isso.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!