O bitcoin superou a sua máxima histórica de valorização em real na manhã desta terça (9). Segundo o ‘Índice do Portal do Bitcoin’, o ativo chegou a marca de R$ 380 mil — na manhã desta quarta (10), o índice aponta que a criptomoeda recuou para R$ 373.795.

A principal criptomoeda do mercado vem acumulando ganhos desde segunda (8), quando bateu US$ 68.530. Atualmente, segundo a CoinGecko, o ativo digital acumula um ganho diário de 0,8%, e é cotado a US$ 68.434.

publicidade

Vale ressaltar que o bitcoin vem tentando manter uma valorização na casa de US$ 60 mil há cerca de três semanas. A nova alta foi impulsionada após abertura do mercado asiático. Em questão de horas, o criptoativo passou de US$ 66 mil para US$ 68,5 mil. 

O bitcoin também está ganhando força à medida que os investidores do mundo inteiro temem os impactos do avanço da inflação na economia.

Leia mais:

Ethereum também segue em alta

Ilustração 3D mostra uma pilha de moedas da criptomoeda ethereum.
Ethereum pode ultrapassar os US$ 5 mil ainda esta semana. Imagem: Lightboxx/Shutterstock

A valorização do bitcoin, como de costume, refletiu na cotação de outras criptomoedas — cujo mercado, segundo a CoinGecko, atingiu capitalização de US$ 3,1 trilhões esta semana.

O ethereum, por exemplo, a segunda moeda digital mais valiosa do mercado cripto, bateu seu novo recorde e chegou a marca de US$ 4.837. Na manhã desta quarta (10), o ativo ultrapassou esse valor. No momento da publicação, o ethereum é cotado a US$ 4.843 segundo a CoinGecko.  

Vale lembrar que a expectativa é que o ativo ultrapasse os US$ 5 mil a qualquer momento. Nas corretoras brasileiras, a criptomoeda está sendo negociada por cerca de R$ 26 mil.

Via: Portal do Bitcoin

Créditos da imagem principal: rzoze19/Shutterstock

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!