Na quarta-feira (17), a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) entregou um lote de 2,5 milhões de doses da vacina contra Covid-19, AstraZeneca, ao Ministério da Saúde. Além disso, na próxima sexta-feira (19), está prevista a entrega de mais um lote do imunizante, mas o total de doses deste segundo lote ainda não foi divulgado.

Com a entrega de hoje, o Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz) já entregou 132,7 milhões de doses ao Programa Nacional de Imunizações (PNI).

publicidade
Logo da AstraZeneca com uma amostra de vacina contra a Covid-19
Radowitz/Shutterstock

Leia mais:

Fim da agulha? AstraZeneca testa vacina nasal contra Covid-19

Ótima notícia para quem tem medo de injeção (quase todo mundo, não é?): O laboratório britânico AstraZeneca tem obtido sucesso nos testes com uma versão spray da vacina contra a Covid-19. A pesquisa está sendo realizada no Reino Unido e nos Estados Unidos.

Mas calma! O caminho para escapar da picada ainda é longo. Por enquanto os testes só foram realizados com animais, como hamsters e macacos. Mas os pesquisadores já constataram que aplicar a vacina nasal ajudou a reduzir a carga viral no grupo de controle, fazendo com que o vírus se espalhasse menos. 

Estudos recentes comprovaram que a transmissão do vírus é possível mesmo a partir de pessoas que já foram vacinadas, o que reforça a importância do uso de máscaras e da manutenção do distanciamento social. A aplicação nasal está sendo considerada com uma opção a mais para evitar que o vírus continue se espalhando. 

Em outra pesquisa recente, cientistas da Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, concluíram que a aplicação intranasal das vacinas faz mais sentido para combater a doença, já que o caminho da infecção da COVID-19 passa pelo nariz, garganta e pulmões. Mas o uso do imunizante spray só deve garantir uma proteção por menos tempo do que a aplicada de forma intramuscular.

Para saber mais, acesse a reportagem completa no Olhar Digital.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!