A Black Friday é um período cheio de descontos e promoções e, se bem aproveitada, pode fazer o consumidor economizar um bom dinheiro. No entanto, como diria o ditado: se a esmola é demais o santo desconfia. Por tanto, é de se esperar que toda essa busca por produtos seja acompanhada de golpistas que tentam enganar quem está comprando. Para não cair nessa cilada, veja algumas dicas de como evitar cair em golpes na Black Friday.

Essa super liquidação começou nos Estados Unidos, mas nos últimos anos vem ganhando cada vez mais força no Brasil. Por aqui, ela acontece na próxima sexta-feira (26) e muitos sites já estão com ofertas pré-black friday. Na página especial do Olhar Digital é possível conferir muitas delas e também ficar de olho em tudo o que vai rolar no dia. 

publicidade

De acordo com dados do Clearsale, em 2020, as tentativas de fraudes em compras virtuais no Brasil aumentaram 53,6% na comparação com 2019. Isso foi impulsionado pelo crescimento do e-commerce com a pandemia da Covid-19 e o fechamento do comércio em parte do ano. A expectativa é de que esse ano esse número se mantenha alto.

Como não cair em golpes na Black Friday?

Para evitar cair em golpes na Black Friday é muito importante ficar ligado em onde a promoção está vindo. É comum que nessa época criminosos comecem a compartilhar links  maliciosos no WhatsApp com supostas promoções. É importante tomar cuidado ao clicar e se não tiver certeza que a página é segura, é melhor não abrir. Sempre é válido ficar de olho na URL.

Cuidado com a origem da oferta

Adriano Volpini, diretor da Comissão Executiva de Prevenção a Fraudes da FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos), explica que o consumidor deve redobrar os cuidados ao fazer suas compras. Segundo o especialista, “nesta época do ano são comuns abordagens de criminosos com páginas falsas que simulam e-commerce; promoções falsas enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp e a criação de perfis falsos que investem em mídia para aparecer em páginas e stories de redes sociais”.

Prefira lojas e sites conhecidos

Além disso, quando for comprar, dê preferência para sites e lojas conhecidas, veja comentários de clientes e olhe a reputação da empresa antes de adquirir produtos. Muitas lojas falsas surgem nesse período apenas para enganar os consumidores, então tome cuidado com o local onde vai fazer suas compras.

Veja também

Um levantamento da RD Station Marketing utilizando sua ferramenta de monitoramento concluiu que o envio de e-mails com promoções deve crescer 29% em 2021, com boa parte deles sendo mandados na Black Friday. O portal utiliza uma base cadastrada de 30 mil contatos para fazer a análise.

Cuidado também com os resultados patrocinados de buscas do Google. Golpistas pagam para terem suas páginas aparecendo na sessão de links patrocinados e, mesmo com a moderação do Google, muitas vezes conseguem passar. Então segue válida a orientação e olhar o histórico da loja.

Black Friday
Imagem: PopTika/iStock

Cuidado com suas informações

Fique esperto na hora de colocar seus dados. Essa parte é muito importante pois criminosos podem tentar roubar os dados de seu cartão de crédito. Uma dica aqui é tentar usar cartões de compra online, que costumam ser fornecidos pelos aplicativos de banco e só funcionam durante um curto período de tempo, dificultando que essas informações sejam usadas por bandidos.

Muitos sites de compra também permitem o pagamento no boleto bancário. Nesse caso, na hora de finalizar a transação, é importante ficar atento ao nome da empresa beneficiária que aparece no momento do pagamento. Se for diferente do local onde você fez a compra, a compra deve ser interrompida. 

Vale ressaltar que o propósito da Black Friday difere no Brasil se comparado com a data original criada nos Estados Unidos. Por lá, o evento funciona como queima de estoque das lojas antes do Natal. Já no Brasil, a Black Friday acaba se estendendo por semanas. Para não perder nada confira a página especial do Olhar Digital sobre o evento.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!