O governo do Estado de São Paulo anunciou que a partir do dia 11 de dezembro vai liberar a obrigatoriedade do uso das máscaras de proteção contra a Covid-19 em ambientes ao ar livre. Ainda será necessário utilizar o equipamento de proteção em ambientes fechados e no transporte público, incluindo estações e terminais de ônibus.

A decisão do governo estadual aconteceu mesmo com as metas estipuladas de redução dos indicadores da pandemia não tendo sido atingidas. No entanto, o próprio Comitê Científico – grupo de especialistas que orienta a gestão de João Doria (PSDB) – aprovou a decisão.

publicidade

Leia também!

O governo Doria havia afirmado no final de outubro que as máscaras seriam liberadas em ambientes ao ar livre, caso: a vacinação completa atingisse 75% da população; a média diária de casos estivesse abaixo de 1.100; média diária de mortes estivesse abaixo de 50; e taxa diária de internações estive abaixo de 300.

Porém, nenhum das metas foram cumpridas. Atualmente, a vacinação completa atinge cerca de 74,5% de toda a população paulista, enquanto as médias diárias de casos, mortes e internações ultrapassam 1.289, 61 e 318, respectivamente.

João Doria, governador de São Paulo anuncia vacinação para motorista de ônibus
Governo de São Paulo libera uso de máscaras ao ar livre a partir de dezembro. Imagem: Sergio Andrade/Governo do Estado de São Paulo

De acordo com a anúncio feito pelo governo de São Paulo, a vacinação completa deve atingir 75% de toda a população ainda nesta quinta-feira (25).

O estado enfrenta uma alta nos casos de Covid-19, e a média móvel diária de mortes é 34% maior do que o que foi registrado há 14 dias, o que pode significar uma tendência de alta na pandemia.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!