A Disney pretende investir US$ 8 bilhões a mais em conteúdo no ano de 2022. A companhia de entretenimento do Mickey Mouse anunciou o plano de gastar US$ 33 bilhões em novo conteúdo no próximo ano, em uma centena de novos títulos para todos os seus setores de mídia: estúdios, entretenimento geral e esportes.

Os estúdios que pertencem à Disney são Walt Disney Pictures, Walt Disney Animation Studios, Pixar, LucasFilm, 20th Century Studios, Marvel Studios e Searchlight Pictures. O grupo tem ainda as redes ABC Entertainment, Disney Channel, FX Networks e Hulu, com a ESPN como único canal de esportes.

publicidade

Leia mais:

Mas, os valores vão, principalmente, para filmes e séries nas plataformas de streaming da companhia. O montante já começou a ser gasto no início de outubro deste ano, já que é quando começa o ano fiscal 2022. Já a quantidade de 100 novos títulos é a mesma anunciada por Bob Chapek, CEO da companhia, como ambição para o próximo ano.

(L-R): Kathryn Hahn as Agatha Harkness and Elizabeth Olsen as Wanda Maximoff in Marvel Studios' WANDAVISION exclusively on Disney+. Photo courtesy of Marvel Studios. ©Marvel Studios 2021. All Rights Reserved.
A série ‘Agatha: House of Harkness’, spin-off de ‘WandaVision’, é uma das produções planejadas pela Disney. Imagem: Marvel/Divulgação

De acordo com o site norte-americano The Hollywood Reporter, a Disney quer lançar 50 títulos para cinema e plataformas diretas ao consumidor. Já a divisão de entretenimento geral planeja produzir e encomendar 60 séries não roteirizadas, 25 séries dramáticas, 15 documentários ou séries limitadas, 10 séries de animação e 5 filmes feitos para a TV.

O aumento de US$ 8 bilhões em relação aos US$ 25 bilhões gastos em 2021 não levam em conta as interrupões causadas pela pandemia da Covid-19. Também em 2021 foram lançados 60 títulos pela companhia.

Via: ScreenRant / The Hollywood Reporter

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!