Alec Baldwin trancou seu Twitter antes que sua primeira entrevista, dada ao âncora da ABC News, George Stephanopoulos, sobre a tragédia no set de filmagem de ‘Rust’ fosse ao ar nesta quinta-feira (2). O ocorrido, que matou com um tiro acidental a diretora de fotografia Halyna Hutchins, aconteceu em outubro deste ano e ganhou as páginas dos jornais, além de viralizar nas redes sociais com especulações do que realmente teria acontecido. A polícia ainda investiga o caso.

Alec Baldwin
Alec Baldwin tranca redes sociais antes de entrevista sobre tragédia em ‘Rust’ ir ao ar. Imagem: print redes sociais/Olhar Digital

Contudo, o perfil do ator no Instagram continua aberto. Os tweets do artista só estão disponíveis para quem já o seguia antes.

publicidade

Em um teaser do programa da ABC, no qual Baldwin falou formalmente pela primeira vez sobre o ocorrido, o ator apareceu muito emocionado e, ao lembrar do dia, disse: “Mesmo agora, acho difícil de acreditar nisso. Simplesmente não parece real para mim.” O ator também afirmou que não puxou o gatilho da arma, como muitos pensaram.

“Bem, o gatilho não foi puxado. Eu não puxei o gatilho… Eu nunca apontaria uma arma para ninguém e puxaria o gatilho para eles. Nunca”, disse repetidas vezes.

Baldwin acrescentou explicando que “não faz ideia” de como uma bala real foi parar no set de filmagem. “Alguém colocou uma bala viva em uma arma. Uma bala que nem deveria estar na propriedade.” O ator também confirma, após questionado, que apesar de não ser uma vítima, essa foi a pior coisa que já aconteceu com ele.

“Eu penso no passado e penso o que eu poderia ter feito?”

Halyna Hutchin
Alec Baldwin dá primeira entrevista após tragédia em set de filmagem: “Não puxei o gatilho”. Imagem: Instagram / Reprodução

Alec Baldwin dispara arma cenográfica e mata cinegrafista

Alec Baldwin, de 63 anos, disparou uma arma cenográfica durante as gravações do filme independente ‘Rust‘ no Novo México (EUA), no exato momento em que gravava uma cena. A polícia investiga a situação como um acidente, que causou a morte da cinegrafista Halyna Hutchins e feriu o diretor da produção, Joel Souza.

Hutchins, de 42, foi atingida na região do abdômen e transportada de helicóptero para o Hospital da Universidade do Novo México, em Albuquerque, onde resistiu por alguns momentos antes de falecer. Já Souza, 48 anos, foi levado de ambulância ao Centro Médico Regional Christus St. Vincent, em Santa Fé, onde recebeu tratamento de emergência para os ferimentos, segundo o gabinete do xerife do condado.

Esta é a primeira vez que o ator fala oficialmente sobre o assunto em entrevista, salvo uma rápida e informal entrevista ao TMZ, onde o ator menciona a um paparazzi o ocorrido.

Leia mais!

“Esta foi a [entrevista da ABC] mais intensa que já experimentei”, disse Stephanopoulos. “Ele era tão cru, como você pode imaginar, ficou arrasado, mas também foi muito franco, foi muito aberto, respondeu a todas as perguntas, falou sobre Halyna Hutchins, conhecer a família dela também, e falou em detalhes sobre o que aconteceu no set naquele dia”, antecipou o jornalista sobre o programa. 

A entrevista completa da ABC irá ao ar como um especial do horário nobre do canal nesta quinta-feira (2). O conteúdo também ficará, posteriormente, disponível na plataforma Hulu, conforme informou o Variety.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!