O vice-presidente sênior de engenharia da PlayStation Network, George Cacioppo, foi demitido da companhia após uma acusação de pedofilia. Um vídeo com o executivo tentado ter um encontro inadequado com um suposto garoto de 15 anos viralizou online, publicado pelo canal People v. Preds, no YouTube.

O canal é composto por um grupo de “vigilantes”, que tenta capturar e divulgar casos de homens supostamente envolvidos com pedofilia. No caso do executivo da PlayStation, um deles se passou por um garoto de 15 anos como isca para Cacioppo, que marcou um encontro em sua residência com quem pensava ser um adolescente.

publicidade

Leia mais:

No vídeo publicado no YouTube, há capturas de tela, mensagens e fotos supostamente trocadas entre as duas partes, no aplicativo de relacionamentos Grindr. Um cinegrafista é quem chega até Cacioppo, de 64 anos, que usava o codinome “Jeff”. Ele atende a porta usando uma camiseta do PlayStation 5.

O ex-funcionário da companhia de videogames, então, entra em casa, fecha a porta e se recusa a responder as perguntas do cinegrafista, que afirma que vai chamar a polícia. Mesmo tendo publicado o vídeo antes de denunciar o suposto caso de pedofilia, o canal People v. Preds informou ao site Kotaku que entregou as provas às autoridades de San Diego, onde aconteceu.

A Sony, por sua vez, logo reagiu à publicação e desligou o vice-presidente. A companhia disse estar ciente da situação e que “o funcionário em questão foi desligado do emprego”.

George Cacioppo trabalhava na Sony Interactive Entertainment desde setembro de 2013. Antes de entrar no local, ele atuou dentro e fora da indústria de videogames, integrando o mercado de engenharia desde o final dos anos 1970.

O video que flagra Cacioppo foi publicado pelo canal na última sexta-feira (3) e já conta com mais de 123 mil visualizaçõs, além de mais de 700 comentários.

Via: GameRant / Kotaku

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!