A Toyota terá uma operação esportiva em 2022 inteiramente composta por carros de hidrogênio e combustível sustentável. Será na Super Taikyu Series, um dos principais campeonatos da categoria turismo no Japão.

A marca nipônica começou a testar os combustíveis alternativos no maio passado, quando inscreveu um Corolla Sport H2 movido a hidrogênio nas 24 Horas de Fuji. No início, a equipe ORC Rookie — responsável pela preparação e manutenção do carro — enfrentou problemas de reabastecimento devido à limitada autonomia do tanque de hidrogênio.

publicidade

Posteriormente, com a experiência adquirida nos testes seguintes, o time conseguiu diminuir a janela de pits de cinco para dois minutos. Vale lembrar também que, em 2021, a marca não disputou a temporada completa — diferentemente como se dará no ano que vem.

Em 2022, a Toyota novamente vai alinhar na Super Taikyu com o Corolla H2 a hidrogênio, competindo na classe ST-Q para veículos especiais. Entre os pilotos inscritos para conduzir o carro #32, é notável a presença do próprio presidente da montadora, Akio Toyoda, que competirá com o pseudônimo “Morizo Kinoshita” — o chefão já correu com esse codinome nas 24 Horas de Nurburgring, em 2009, e seria uma extrema coincidência se não fosse ele.

Carro suplementar

A Toyota ainda vai expandir sua operação na Super Taikyu com um segundo carro, que também disputará na ST-Q. Desta vez, um GR86 movido a combustível sintético produzido a partir de biomassa. Na lista dos pilotos para o carro #28, está Daisuke Toyoda, filho mais velho de Akio.

A equipe de preparação continuará sendo a ORC Rookie. O time já trabalha com carros como o GR Supra e o GR Yaris há várias temporadas, alinhando com pilotos profissionais e “pagantes” (competidores sem remuneração).

A temporada 2022 da Super Taikyu Series começa no dia 19 de março, com a realização das 5 Horas de Suzuka. A competição, embora desconhecida no Brasil, tem diversos seguidores no Japão, atraindo pilotos com carreira no automobilismo europeu como os ex-F1 Mika Salo, Yuji Ide e Shinji Nakano e o brasileiro João Paulo de Oliveira (campeão da F3 Alemã nos anos 2000).

Via The Drive

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!