Por meio de um comunicado, a agência de comunicação estatal chinesa Xinhua confirmou que os três astronautas da Estação Espacial Tiangong – Zhai Zhigang, Wang Yaping e Ye Guangfu – vão apresentar uma palestra para jovens estudantes diretamente do espaço.

A ideia é apresentar a alunos de diversas idades do ensino fundamental e médio chinês a rotina, obrigações e o dia a dia dos três taikonautas – como a China se refere aos seus viajantes espaciais. A sala principal será montada dentro do Museu de Ciência e Tecnologia da China, mas outras salas nas regiões sul, bem como Hong Kong, também serão contempladas.

publicidade

Leia também

Da esquerda para a direita: o coronel Ye Guangfu, o general Zhai Zhigang e a coronel Wang Yaping. Os três astronautas da estação espacial Tiangong, da China, darão palestra em tempo real do espaço para jovens estudantes do país
Da esquerda para a direita: o coronel Ye Guangfu, o general Zhai Zhigang e a coronel Wang Yaping. Os três astronautas da estação espacial Tiangong, da China, darão palestra em tempo real do espaço para jovens estudantes do país (Imagem: CMG/CGTN)

“Eles [os astronautas da Tiangong] também vão demonstrar projetos como experimentos citológicos, movimentação de objetos e tensão de líquidos em diversas superfícies dentro do ambiente de microgravidade. Eles e os alunos terão interações em tempo real a fim de espalhar conhecimento sobre missões espaciais tripuladas e inspirarem os mais jovens”, diz trecho do comunicado.

Os três astronautas da Tiangong foram enviados à estação por meio da nave espacial Shenzhou-13 em outubro de 2021. Atualmente, é a missão com maior tempo de duração do programa espacial chinês para a construção de uma base orbital.

A estação Tiangong, hoje, conta apenas com o seu módulo principal – chamado Tianhe. Ao longo de 2022, a estrutura deve receber e instalar outros dois módulos: o Wentian e o Mengtian. A divisão dos três é relativamente simples, com o módulo espacial principal servindo de habitação e descanso dos astronautas, enquanto os dois módulos vindouros farão a função de unidades laboratoriais para a condução de experimentos.

A Xinhua informou que a ocasião será exclusiva para o sistema educacional chinês, além de relembrar que não é a primeira vez que algo do tipo acontece: a astronauta chinesa Wang Yaping, em 2013, também ofereceu uma palestra a estudantes, apresentada do espaço a bordo da nave Shenzhou-10. Na época, 60 milhões de crianças acompanharam a transmissão.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!