Na noite de segunda-feira (13), o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) divulgou uma nota informando que ocorreram novos ataques de hackers contra órgãos do governo. Até o momento, o GSI não divulgou quais serviços ou ministérios foram atacados, somente que “ocorreram incidentes cibernéticos contra órgãos de Governo em ambiente de nuvem”.

De acordo com a nota, os provedores de serviços em nuvem estão cooperando para resolver o problema e que o governo está atuando “de forma coordenada para a retomada dos serviços, que estão sendo reativados à medida em que o tratamento ocorre”.

publicidade

Além disso, o GSI também informou que algumas equipes estão sendo “orientadas sobre os procedimentos de preservação de evidências” e que as “orientações emitidas têm seguido rigorosamente as boas práticas de
tratamento de incidentes”.Ainda segundo a nota, a colaboração entre os diversos órgãos envolvidos está sendo muito importante e efetiva.

Leia mais!

Sobre este mesmo assunto, o ministro da pasta Marcelo Queiroga também informou que o ataque de hackers ocorreu. O fato antes foi negado e levou o Ministério da Saúde a desligar a rede de internet ao longo da madrugada e com isso, deixou os sistemas fora do ar.

“São duas coisas diferentes. Aquele primeiro ataque não foi um ataque ao Ministério da Saúde, aquilo foi a nível da Embratel, né? E felizmente, os dados não foram comprometidos. Em relação a esse [segundo ataque], foi algo de menor monta e estamos trabalhando para recuperar isso o mais rápido possível”, disse o ministro.

Segundo Queiroga, a normalização do sistema deve ser impactada com o novo ataque de hackers. Para ele, apesar de a tentativa de invasão não ter sido bem-sucedida, “tumultuou” e “atrapalhou”: “Nós estamos trabalhando fortemente para reestabelecer todas as funcionalidades do ConecteSUS para que os brasileiros possam acessar livremente todas as informações.”

Ministério da Saúde nega ter sofrido segundo ataque de hackers

O Ministério da Saúde emitiu uma nota informando que desligou nesta segunda-feira (13) sistemas internos da rede. De acordo com a assessoria de imprensa, era apenas uma “manutenção preventiva nas redes internas da pasta”.

Hoje, alguns meios como a Jovem Pan e o R7 mencionaram que havia ocorrido uma segunda tentativa de ataque ontem, o que teria motivado o desligamento. Ao Olhar Digital, a assessoria do Ministério negou que tenha havido um ataque, e confirmou apenas a manutenção.

Para saber mais, acesse a reportagem completa no Olhar Digital.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!