Nesta quarta-feira (22), a equipe responsável pela administração das redes sociais da Estação Espacial Internacional (ISS) divulgou um vídeo em que apresenta sua retrospectiva de 2021.

“Confira uma revisão das missões, residentes e ciência a bordo da Estação Espacial Internacional em 2021”, diz o post no Twitter.

publicidade

No vídeo, a equipe destaca que, neste ano, cinco tripulações foram lançadas à ISS, que contou com um total de 23 residentes ao longo de 2021. A retrospectiva também cita “incontáveis visões da Terra, ciência revolucionária e missões de reabastecimento de carga”.

De acordo com o pequeno clipe de 2min05s de duração, foram 13 caminhadas espaciais feitas pelas equipes, somando 89,5 horas de atividades extraveiculares.

A instalação do painel solar iROSA, a – polêmica – atracagem do módulo russo Nauka, e a chegada do módulo Prichal receberam destaque. Embora muitos outros assuntos pertinentes tenham ficado de fora, vale salientar que, em 2021, uma equipe de cinema rodou cenas de um filme no laboratório orbital pela primeira vez na história. 

Além disso, 2021 marcou também a primeira vez, em mais de uma década, que os russos levaram turistas estrangeiros à ISS – o bilionário japonês  Yusaku Maezawa e seu assistente pessoal, Yozo Hirano. Eles, inclusive, aparecem no vídeo comemorativo em uma foto ao lado do companheiro de voo Alexander Misurkin, cosmonauta da Roscosmos.

Isso sem falar nos perrengues de 2021, como o risco de colisão com lixo espacial, que fez a tripulação buscar abrigo nas naves de retorno, ou o foguete russo que desestabilizou a ISS. Mas, talvez, eles prefiram esquecer os momentos ruins.

Tripulação da Estação Espacial Internacional fala sobre passar as festas de fim de ano em órbita

Na noite de terça-feira (21), a ISS compartilhou – desta vez, no Instagram – um vídeo dos tripulantes da Expedição 66, atualmente a bordo do laboratório orbital, falando sobre a experiência de passar as festas de fim de ano no espaço e longe (realmente, longe) daqueles que amam.

Primeiramente, eles falam sobre o significado do Natal. “Sempre anseio por esta época porque, mesmo quando eu estava fora da academia naval, era sempre uma época que eu tinha que voltar para casa para ver minha família”, disse Kayla Barron, astronauta da Nasa. “Embora estejamos aqui neste ano, teremos nossa ‘família espacial’, então é provável que criemos nossas próprias tradições”.

Falando em tradições, eles destacaram as suas favoritas. Para Mark Vande Hei, que completará 353 dias a bordo da ISS ao final de sua jornada, em março de 2022, o que mais marca é um doce especial feito por sua mãe. “Sempre que vou passar o Natal na casa de minha mãe, como biscoitos de camada dupla de chocolate que ela faz. Vou sentir falta disso aqui”. 

Leia mais:

Já Kayla destacou que sua tradição predileta de Natal é enfeitar a árvore em família. “Passamos horas decorando a árvore e disputando os melhores espaços para pendurar nossos ornamentos preferidos”.

Eles também falaram sobre passar o Réveillon na estação espacial. “Vemos o nascer do Sol muitas vezes ao dia, então, pensamos no fato de que as pessoas estarão acordando para um novo ano”, disse Raja Chari, que chegou à ISS na missão SpaceX Crew-3, em 11 de novembro, junto com Kayla e Matthias Maurer, da Agência Espacial Europeia (ESA). “Estamos ansiosos para a ciência que queremos fazer aqui no ano que vem, os experimentos que serão um excelente começo de ano novo”, declarou Maurer.

No fim do vídeo, que também foi compartilhado no YouTube, os astronautas mandam mensagens às suas famílias e desejam Boas Festas aos espectadores.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!