A BMW convidou a artista visual chinesa Cao Fei para criar um modo de arte digital para seu novo SUV, o iX M60, apresentado na semana passada durante a CES 2022. O modo especial, afirma a montadora alemã, foi idealizado como forma de comemorar os 50 anos de aniversário do Grupo de Engajamento Cultural da BMW. Com o programa, a empresa diz ter estabelecido “mais de 100 iniciativas de longo prazo nos campos da arte moderna e contemporânea, música clássica, jazz, arquitetura e design”.

BMW iX M60 com modo de arte digital ativado
Painel de bordo do BMW iX M60 com o modo de arte digital ativado (Fabian Kirchbauer/BMW/Divulgação)

Cao Fei já havia trabalhado anteriormente para a BMW, participando da confecção do M6 GT3 Art Car. Já no novo projeto, a artista chinesa afirma ter se inspirado na mudança contínua de um mundo globalizado e interconectado para produzir a obra Quantum garden (“jardim quântico”). Nela, Fei procurou representar galáxias de espaços pictóricos que são preenchidas com nebulosas e feixes de luz. Ao ativar o modo de arte digital no BMW iX M60, esses elementos se aproximam e se afastam uns dos outros em diferentes velocidades enquanto crescem e encolhem.

publicidade

“Hoje vemos arte dentro do carro”, explica Cao, sobre a obra multimídia. “Não é mais uma decoração de hardware. Ela se desenvolveu a ponto de ser integrada ao software do carro e atualizada no futuro. [Nesse sentido] a ideia geral desta criação é que eu quis desenhar uma forma de interligar múltiplos universos. Pois acho que o universo é uma espécie de consciência, que pode ser refletida em luz, cor e som.”

Disponibilidade em série

O modo de arte digital foi criado especialmente para a CES 2022, mas a BMW afirma que vai disponibilizar o recurso para os veículos de série — não apenas o iX M60, aliás. De acordo com a montadora alemã, alguns modelos terão o modo disponível para seleção padrão, enquanto outros poderão adaptá-lo à interface por meio de atualizações de software. A BMW não especificou quais modelos receberão, além da nova SUV.

“Pela primeira vez, tornamos a arte digital parte integrante da experiência de condução moderna em um carro e usamos tecnologia inovadora para transformar a mobilidade em uma experiência individual, altamente exclusiva e emocional”, disse o vice-presidente sênior de carros digitais da BMW, Christoph Grote.

Crédito da imagem principal: BMW/Divulgação

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!