A Meta, a empresa que controla o Facebook, recebeu mais uma multa do órgão de concorrência do Reino Unido, desta vez de 1,5 milhão de libras (quase R$ 11 milhões na cotação atual). O motivo é relacionado a aquisição da plataforma Giphy. Ao que tudo indica, a companhia de Mark Zuckerberg vai arcar com o prejuízo.

Na última semana, a dona do Facebook descumpriu algumas regras do acordo comercial ao integrar funcionários da Meta na equipe da Giphy, mesmo com a investigação sobre a aquisição ainda em curso. A Autoridade de Concorrência e Mercados da Grã-Bretanha (Competition and Markets Authority, ou CMA) descreveu a decisão como falha de “natureza grave”. 

publicidade
Nesta ilustração da foto, os logotipos do Giphy e do Facebook são vistos em um telefone celular e uma tela de computador
Compra da Giphy gerou novo impasse para a Meta no Reino Unido. Imagem: viewimage/Shutterstock

A ideia era que as duas empresas continuassem competindo entre si, pelo menos enquanto os reguladores investigam os termos do negócio.

Se depender das autoridades britânicas, a Meta também pode ser obrigada a vender o aplicativo de imagens animadas (Gifs), desfazendo um negócio que custou US$ 400 milhões em maio de 2020. A fusão, segundo as autoridades, pode reforçar a posição da empresa no mercado de publicidade na internet.

Veja também

Sobre o novo impasse com as autoridades britânicas, a dona do Facebook afirma que não pode impedir que os seus funcionários deixem os seus cargos.

“Pretendemos pagar a multa, mas é problemático que a CMA possa tomar decisões que possam afetar diretamente os direitos de nossos funcionários”, disse um porta-voz da Meta à Reuters

A CMA também multou o Facebook em 50,5 milhões de libras em outubro do ano passado por outras violações. Vale ressaltar que órgão regulador britânico adotou medidas mais severas contra outras big techs nos últimos anos, principalmente as que operam no segmento de anúncios digitais, um dos campos que gera mais receita para o próprio Facebook.

Via: Reuters

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!