A luxuosa Aston Martin acaba de revelar seu novo V12 Vantage, considerado o mais potente a ser equipado com motor a combustão. Estamos falando de um twin-turbo de 5,2 litros trazendo uma relação potência-peso melhorada em 20% em comparação com o modelo V8.

Apresentado como “o capítulo final do V12 Vantage”, o carro de tração traseira oferece cerca de 700 cv a 6.500 rpm e 753 Nm de torque a partir de 1.800 rpm. Sua velocidade máxima é registrada em 322 km/h, possuindo um sprint de 0 a 100 km/h em apenas 3,5 segundos.

publicidade

Leia também:

Veículo da Aston Martin de lado
Imagem: Divulgação/Aston Martin

Na parte de transmissão, o V12 Vantage possui um sistema automático de oito velocidades, oferecendo competência em sintonia com os desenvolvimentos vistos no V12 Speedster e no Vantage F1 Edition. Já a nova suspensão adaptativa traz barras estabilizadoras, buchas e conjuntos de molas e amortecedores redesenhados. Comparado a um Vantage normal, o modelo V12 tem molas dianteiras 50% e traseiras 40% mais rígidas.

Com 385 cv por tonelada métrica, o supercarro baseado em um uso generoso de fibra de carbono pesa 1.795 kg. A Aston Martin realizou uma série de medidas de redução de peso em seu V12 Vantage, incluindo uma bateria leve e um escapamento de aço inoxidável recém-desenvolvido com pontas duplas montadas centralmente.

Parte de trás do V12 vantage
Imagem: Divulgação/Aston Martin

A montadora instalou freios de carbono-cerâmica padrão com discos dianteiros de 410 mm abraçados por pinças de seis pistões, enquanto a traseira tem discos de 360 ​​mm emparelhados com pinças de quatro pistões. Essas opções da Aston Martin também beneficiaram na perda de peso do potente veículo.

Dentre o perfil de design externo, temos a grade ampliada em 25%, com um visual musculoso do para-choque dianteiro, além de um divisor de largura total na frente. Na lateral, novas aberturas de para-lama se fundem em soleiras alargadas.

parte da frente do V12
Imagem: Divulgação/Aston Martin

Uma despedida apropriada do V12

Enquanto isso, uma asa traseira delineia a estética mista de desempenho e estabilidade daquele que é “uma despedida apropriada para uma linha verdadeiramente icônica de carros esportivos Aston Martin”, segundo Marek Reichman, diretor de criação da marca. Algo que acaba destoando um pouco do que vimos em fevereiro, quando Tobias Moers, CEO da montadora britânica, disse que o velho propulsor ainda tem potencial a ser explorado por algum tempo.

Parte de cima do carro da Aston Martin
Imagem: Divulgação/Aston Martin

Enfim, no interior do V12 Vantage, os destaques ficam por conta dos bancos Sports Plus com couro semi-anilina apresentados como padrão, havendo opção de um novo assento em fibra de carbono para uma economia de peso ainda maior – economizando 7,3 kg adicionais. Quanto aos recursos de infotainment, a marca mantém o uso da tecnologia da Mercedes de última geração.

Imagem interna do V12 Vantage
Imagem: Divulgação/Aston Martin

O Aston Martin V12 Vantage será limitado a apenas 333 carros e as primeiras entregas aos clientes estão previstas para o segundo trimestre deste ano (os valores não foram revelados ainda). Todos os slots de construção já estão disponíveis e os compradores terão vários pacotes gráficos para o exterior como opção.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!