Conhecida por seus robôs aspiradores, a Dyson quer que eles também se ocupem de outras tarefas domésticas, indo além do chão. A empresa contou que está trabalhando em protótipos de robôs secretos para fazer tarefas repetitivas em casa, e apresentou alguns deles em um vídeo.

O vídeo mostra robôs guardando a louça, guardando brinquedos das crianças em caixas (com todo o cuidado), e até mesmo mapeando o sofá em 3D antes de aspirar para fazer uma limpeza completa. Quem não ia querer um aspirador robô assim em casa?

publicidade
Robôs da Dyson fazem tarefas domésticas como limpar o sofá
Robôs da Dyson fazem tarefas domésticas como limpar o sofá / Divulgação: Dyson

Esses protótipos foram desenvolvidos no centro de pesquisa e desenvolvimento da Dyson, que fica em um dos hangares do Hullavington Airfield, em Wiltshire, Inglaterra. Por lá, a empresa tem laboratórios diferentes incluindo um especializado em visão robótica, e outro que só cria os braços e mãos para pegar os objetos.

Em outro hangar ao lado, fica a divisão de wearables, que deu origem ao Dyson Zone, uma estranha mistura de fone de ouvido com máscara.

Tudo por lá é muito secreto, assim o vídeo é uma olhada bem interessante no trabalho que a empresa está desenvolvendo. Alguns trechos do vídeo inclusive mostram produtos que a Dyson não quer revelar ainda, e por isso estão borrados.

Dyson busca engenheiros para trabalharem em seus robôs para tarefas domésticas

A proposta de usar robôs para tarefas domésticas foi apresentada pela Dyson em uma conferência sobre automação e robótica, a ICRA (International Conference on Robotics and Automation), que acontece em Filadélfia, na Pensilvânia. Assim, dá para ver que o motivo é simples, a empresa quer recrutar novos profissionais da área para ampliar sua equipe para 700 pessoas.

Indo além da feira na Filadélfia, a Dyson quer contratar novos especialistas do mundo inteiro para trabalharem em pesquisa e desenvolvimento em robótica em Hullavington Airfield, sob o comando de Jake Dyson, engenheiro-chefe da empresa. Além disso, a empresa quer engenheiros para o seu novo escritório de robótica da Dyson em Londres e para a sede global da empresa em Singapura.

Robô Dyson arrumando os brinquedos
Robô Dyson arrumando os brinquedos / Divulgação: Dyson

No vídeo, Jake Dyson também conta que há 10 anos, sua empresa vem investindo no Imperial College de Londres. Assim, apesar de ser conhecida por seus aspiradores, a Dyson busca ampliar seus horizontes com novos robôs que fazem tarefas domésticas. Para ele, o futuro da empresa está na robótica e nos já citados wearables.

Leia também:

Via Engadget

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!