Veículos e Tecnologia

Estreia do carro mais rápido e ecológico da Fórmula E é oficializada; competição virá a São Paulo

Por Ronnie Mancuzo, editado por Acsa Gomes
30/06/22 07h53, atualizada em 01/07/22 15h09
O vídeo está sendo carregado - aguarde...

A estreia do carro Gen3 da Fórmula E, exclusivamente elétrica, foi anunciada junto ao cronograma preliminar da competição pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA). No dia 14 de janeiro de 2023, o modelo mais rápido e ecológico já criado para a categoria estará na Cidade do México, capital do país latino.

Esta nona temporada contará com um veículo considerado pela própria FIA o mais leve, mais potente e mais eficiente de sua história. Sua estrutura foi inspirada nas poderosas aeronaves caça a jato, sendo trabalhada especificamente para as corridas de rua.

Leia também:

Imagem: Divulgação/FIA

Antes do início oficial da Fórmula E no Autódromo Hermanos Rodriguez, as equipes terão três dias em dezembro para testes em Valência, na Espanha. Conforme traz a federação, a programação planejada para a próxima temporada atualmente conta com 18 corridas entre janeiro e julho de 2023 em circuitos de rua em 13 cidades do mundo.

São Paulo no calendário da Fórmula E

Imagem: Divulgação/FIA

Com esse calendário, a competição supera o marco alcançado de 16 corridas em 10 cidades diferentes. Outro ponto importante está na cidade de São Paulo recebendo a Fórmula E pela primeira vez. Conforme o cronograma, a capital paulista terá os carros Gen3 na pista no dia 25 de março do ano que vem.

Um traçado será montado no Sambódromo do Anhembi para a competição. O contrato entre a Fórmula E e São Paulo tem, inicialmente, validade de cinco anos, com opção de renovação.

Hyderabad, na Índia, é outra cidade que receberá a Fórmula E pela primeira vez, em 11 de fevereiro de 2023. Já Berlim continua sendo a única cidade a sediar um E-Prix em todas as nove temporadas do campeonato. Por sua vez, Diriyah, na Arábia Saudita, sediará a rodada dupla de corridas noturnas nos dias 27 e 28 de janeiro.

Alberto Longo, cofundador e diretor de campeonato da Fórmula E disse que a programação da nona temporada da competição é a mais expansiva e dinâmica até agora. “Também estamos trabalhando duro para incluir a Cidade do Cabo e uma corrida nos EUA quando o calendário provisório for atualizado ainda este ano”.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

Deixe sua opinião
Tags