A Warner decidiu não lançar “Batgirl”, apesar do custo de produção girar em torno de US$ 90 milhões, após o filme não agradar nos testes de audiência.

A produção estrelada por Leslie Grace tinha previsão de estrear diretamente na plataforma de streaming HBO Max, mas de acordo com o The Wrap, a Warner Bros. Discovery optou por engavetar a produção, impedindo que ela se tornasse um grande fracasso.

publicidade

A decisão veio após testes de audiência não agradaram o público. Segundo informações da Collider, que conversou com pessoas que assistiram à versão não finalizada de “Batgirl”, o filme foi uma grande decepção, e parecia um produto barato em comparação a outros filmes.

Não existem grandes informações sobre “Batgirl”, além de que o filme iria se conectar com o Universo Estendido DC, e teria o Comissário James Gordon de J.K. Simmons, papel vivido pelo ator nas duas versões de “Liga da Justiça”. Além disso, Michael Keaton, que viveu o Batman em 1989 e 1992, estava envolvido no projeto. Agora, Keaton deve aparecer apenas em “The Flash”.

Além de Leslie Grace, Simmons e Keaton, o elenco de “Batgirl” contava com Brendan Fraser como o vilão Vagalume, Ivory Aquino como a vigilante trans Alysia Yeoh, além de Rebecca Front, Corey Johnson e Ethan Kai.

A nova direção da agora Warner Bros. Discovery optou por engavetar o filme, que seria lançado exclusivamente na HBO Max. A decisão parece ter sido motivada por “Batgirl” ter um orçamento menor do que outras produções da DC lançadas no cinema, resultando em uma qualidade inferior de outros filmes de heróis.

Leia mais:

Além disso, de acordo com o THR, o corte do lançamento de “Batgirl”, bem como da animação “Scoob!: Holiday Haunt”, foram uma medida para cortar custos.

“Batgirl” teve direção de Adril El Arbi e Bilall Fallah e roteiro de Christina Hodson, que também escreveu “Aves de Rapina” e “The Flash”. O próximo filme da DC a chegar aos cinemas será “Adão Negro“, no dia 20 de outubro, seguido de “Shazam! Fúria dos Deuses”, em 21 de dezembro.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!