Os últimos dias vem sendo agitados para a HBO Max, e as coisas podem piorar nos próximos, com rumores de que o streaming pode acabar.

Desde o anúncio do cancelamento do lançamento do filme “Batgirl”, que custou US$ 90 milhões à Warner Bros. e já estava totalmente gravado e em fase de pós-produção, as notícias sobre a HBO Max vem se intensificando, que podem indicar o fim da plataforma de streaming como conhecemos. A animação “Scoob: Holiday Haunt” também teve o mesmo destino que “Batgirl”.

publicidade

De acordo com anúncio da companhia, a medida foi resultado de uma “mudança estratégica de nossa liderança no que se refere ao universo DC e HBO Max”.

Então, durante as discussões sobre o cancelamento de “Batgirl”, um fórum do Reddit notou que alguns filmes com o selo Max Originals, exclusivos da Warner Bros. para o streaming, começaram a simplesmente sumir do catálogo do streaming, sem aviso prévio da companhia, alguns com poucos meses desde o lançamento.

Leia mais:

No entanto, de acordo com o CBR.com e The Wrap, tudo isso seriam medidas da companhia para cortar custos. Além destas medidas, existem informações de que haverá uma grande onda de demissões na HBO Max, e que a estratégia para os streamings da Warner Bros. Discovery, companhia resultado da fusão das duas gigantes do entretenimento, a HBO Max e o Discovery+, devem se unir para formar uma nova plataforma.

A fusão entre os streamings não é novidade, e já vem sendo comentada desde que WarnerMedia e Discovery se uniram em definitivo. Mas não se sabia, e ainda não se sabe de fato, como isso acontecerá, nem quando.

De acordo com o The Verge, a ideia de David Zaslav, CEO da companhia, pode ser elevar o número de programas como reality shows, que costumam resultar em altos lucros. Em estimativas recentes, a HBO Max tem em torno de 76,8 milhões de inscritos, enquanto o Discovery+ possui 22 milhões de assinantes.

Segundo o The Wrap, a Warner Bros. Discovery anunciará uma grande reestruturação hoje, durante a reunião orçamentária do segundo trimestre do ano, e isto resultaria em cortes de até 70% de pessoal da HBO Max.

A ideia seria a HBO continuar a ser o produto de destaque da Warner Bros. Discovery, mas que a HBO Max, serviço de streaming que engloba os catálogos da HBO e Warner Bros., além de programações originais, mas a HBO Max desaparecer, se unindo a um novo aplicativo que iria englobar conteúdos atuais dela e do Discovery+.

No entanto, por mais que o Diretor Financeiro da companhia Gunnar Wiedenfels, tenha dito durante o anúncio de fusão futura entre os streamings que haveria “um planejamento muito, muito detalhado e disciplinado” para realizar a transição, as coisas vem sendo caóticas nos últimos dias na HBO Max.

Por enquanto, ainda não se sabe o que tudo isso significará para os assinantes do serviço, e nem para produções originais de sucesso como “Hacks”, “Arlequina” e “Nossa Bandeira é a Morte”.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!