Pesando mais que duas girafas e com capacidade de acelerar de 0 a 100 km/h em pouco mais de três segundos, o Hummer EV — vendido por importação no Brasil a partir de R$ 1,2 milhão — é uma das picapes elétricas mais poderosas e robustas do mercado. 

O Olhar Digital esteve nos Estados Unidos e deu uma volta no veículo da GMC com mais de 1.000 cavalos e cinco metros de comprimento.

publicidade

Veja também:

Na semana passada, um youtuber se empolgou e resolveu testar do que o carro é capaz horas após sair da concessionária. O resultado? Com apenas 14 km rodados, o rapaz conseguiu a proeza de destruí-lo (e registrou tudo em vídeo).

publicidade

Com mais três ocupantes no Hummer elétrico, Edmond Mondi resolveu ativar o modo mais potente de direção, chamado de Watts to Freedom. Esse ajuste libera todo o poder dos motores, melhorando a aceleração e rebaixando a suspensão, o que parece que foi pensando para rodar na pista.

O problema começou quando Mondi optou por acelerar a picape na potência máxima em uma estrada de terra. No vídeo, é possível ouvir um barulho alto antes da imagem cortar para o radiador vazando.

publicidade

O estrago não parou por aí. Depois de passar em alta velocidade por um buraco de um metro de profundidade, a suspensão traseira do carro quebrou e algumas peças ficaram pelo caminho. 

As rodas traseiras também aparecem travadas de lado, reforçando que mesmo com 4 toneladas, a picape não é indestrutível.

publicidade

Imagem principal: YouTube/Reprodução

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!