O elétrico ID.7 é o mais novo sedã elétrico da Volkswagen apresentado com pintura digital iluminada na CES 2023. Repleto de tecnologia a bordo, um dos recursos do provável sucessor do VW Passat é um sistema inteligente de ar-condicionado que dispensa botões físicos. A montadora alemã revelou mais detalhes de como a novidade funciona.

No ID.7 a temperatura da cabine pode ser alterada de diferentes maneiras. O ajuste manual é feito usando controles deslizantes de toque montados logo abaixo da tela principal de 15”.

Imagem: Volkswagen/Divulgação

Leia mais:

Segundo a VW, a novidade vai além e também funciona por comandos de voz. Se o motorista preferir, é possível pedir por mais ventilação no banco traseiro, por exemplo.  

publicidade

O aquecimento do volante também é ativado da mesma forma. O condutor pode dizer a seguinte frase “Olá Volkswagen, minhas mãos estão frias”, em seguida, o ar quente será direcionado para o volante por cerca de cinco minutos. 

Ar-condicionado se adapta em tempo real ao clima

O ID.7 também será o primeiro modelo da VW com ar condicionado capaz de reagir às condições climáticas do ambiente. Um sensor embutido no para-brisa pode detectar o ângulo de incidência da luz do Sol. Se estiver fixo em um dos lados do veículo, o AC começará a soprar mais ar frio para a zona mais quente, mantendo a temperatura mais confortável.

Confira no vídeo abaixo uma demonstração da tecnologia.

Segundo a VW, a climatização inteligente, além da comodidade, também é fundamental para economizar energia. Por meio de chaves inteligentes que ficam salvas no celular, o sistema pode reconhecer ainda quem vai assumir o volante e ajustar as preferências antes mesmo de entrar no carro, eliminando o incômodo de ter que mudar as configurações toda vez que uma pessoa diferente dirige o carro.

Imagem: Volkswagen/Divulgação

Vale lembrar que a versão final do ID.7 será revelada oficialmente no segundo trimestre. A Europa e a China serão os primeiros mercados a receber o EV no final de 2023. O lançamento nos EUA está marcado para 2024. O Brasil, por enquanto, ainda não entrou na lista. 

Apesar de a VW ainda não ter revelado o preço do sedã elétrico, já se sabe que o veículo será o substituto do Arteon nos EUA. Lançado em 2017, o modelo custa US$ 43.100, o equivalente a R$ 218 mil. O EV deve se manter nesta mesma faixa em solo americano.

Imagem principal: Volkswagen/Divulgação

Via: DPCcars

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!