A startup AMA (Agentes do Meio Ambiente) foi a primeira brasileira a conquistar prêmio no SXSW, evento de tecnologia que acontece no Texas, nos EUA, para negócios promissores e que possuem potencial, mas que não receberam financiamento prévio.

A AMA é uma solução que, por meio da tecnologia de redes sociais, cria influenciadores em microrregiões urbanas, conectando e remunerando, assim, vizinhos que colaboram e que participam de programas de educação ambiental e correlatos.

publicidade

Leia mais:

É um reconhecimento importante, pois, em meio a tantas tecnologias de IAs e robôs, somos uma empresa que trabalha nas periferias do Brasil com foco total no ser humano.

Marcelo Crivano, idealizador da AMA, durante o SXSW

SXSW

A edição 2023 do SXSW recebeu a participação de 613 iniciativas do mundo todo. 40 empresas relacionadas com tecnologia foram para a finalíssima – somente duas eram do Brasil. Confira as oito categorias nas quais as iniciativas concorreram:

publicidade
  • Inteligência Artificial;
  • Voz e Robótica;
  • Dados Corporativos e Inteligentes;
  • Entretenimento, Mídia & Conteúdo;
  • Alimentos, Nutrição e Saúde;
  • Futuro do Trabalho;
  • Tecnologias Inovadoras do Mundo;
  • Metaverso & Web3;
  • Cidades Inteligentes, Transporte e Sustentabilidade.

Os vencedores receberam prêmio em dinheiro e acesso ao evento de 2024, bem como exposição aos participantes e potenciais investidores. Para o produtor do evento, Chris Valentine, “Somos um evento global em crescimento, recebendo mais startups de todo o mundo a cada ano”.

AMA (Agentes do Meio Ambiente)

Durante o SXSW, o idealizador da AMA, Marcelo Crivano, mostrou o funcionamento da plataforma, que levou ainda o desafio Climate Smart Cities Challenge 2022, da ONU-Habitat.

publicidade

O que torna nossa tecnologia relevante é o real engajamento das pessoas no cuidado com o meio ambiente. Nosso objetivo é gerar inúmeros benefícios sociais às comunidades envolvidas. Para isso, é importante entender a complexidade de cada cidade e trabalhar em conjunto com a população.

Marcelo Crivano, idealizador da AMA, durante o SXSW

A AMA foi desenvolvida pela paranaense Smart Citizen – da qual Crivelo também é CEO – e, atualmente, possui mais de dez mil usuários. O engajamento dos usuários é realizado por meio de gincanas contínuas de práticas sustentáveis.

A cada dia, os usuários recebem ações a serem executadas e ganham pontos com isso, podendo se tornar remuneração em dinheiro ao levar os conhecimentos adquiridos na plataforma para o mundo real. Ao fim de cada mês, os mais bem ranqueados são premiados.

publicidade

Com informações de Mercado & Consumo

Imagem destacada: AMA

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!