A Comissão de Energia da Califórnia diz que o Estado atingiu sua meta de vendas de EVs anteriormente designada de 1,5 milhão de veículos elétricos dois anos antes de sua meta (2025).

Essa conquista pode não ser surpresa para as pessoas que seguem o setor graças à enorme popularidade dos EVs na Califórnia, embora não seja o único estado dos EUA com vendas de EV em alta.

publicidade

Leia mais:

De acordo com a Electrek, o ex-governador da Califórnia, Jerry Brown, estabeleceu a meta de vendas de EV para 2025 em 2012. Curiosamente, o único carro totalmente elétrico à venda no estado quando a meta foi definida era o Nissan Leaf. O Tesla Model S foi lançado no final daquele ano. A Tesla vendeu o Roadster original anos antes.

publicidade

Havia apenas milhares de EVs vendidos na Califórnia em 2012, mas o progresso desde então foi exponencial. A Califórnia teve mais de 1,5 milhão de vendas de veículos elétricos no final do terceiro trimestre de 2023, embora o número de modelos totalmente elétricos estivesse em pouco mais de 1 milhão.

O restante eram veículos elétricos híbridos plug-in (PHEVs), que, apesar de serem EVs, muitas pessoas não veem como carros elétricos, pois ainda possuem motores a gasolina.

publicidade

Em 2023, 21% dos carros vendidos até agora na Califórnia foram EVs. Nenhum outro estado pode reivindicar números tão altos. Na verdade, 40% de todos os carros com emissão zero vendidos até agora nos EUA em 2023 foram vendidos na Califórnia. Os EUA, como um todo, viram 5,6% das vendas de veículos elétricos em 2022, o que ainda é grande salto em relação aos 1%-2% dos últimos anos.

Os incentivos ajudaram a Califórnia a atingir o marco de vendas de EV mais rapidamente do que sem eles. A Electrek diz que US$ 2 bilhões em incentivos ajudaram o estado ao longo dos anos. No entanto, poucas pessoas podem perceber que os EUA subsidiam os combustíveis fósseis na ordem de US$ 650 bilhões anualmente.

publicidade

Em 2020, o governador da Califórnia, Gavin Newsom, compartilhou que o estado pretende proibir as novas vendas de carros a gasolina até 2035. A EPA também apresentou novos planos recentemente que podem levar a dois terços de todas as vendas de carros nos EUA sendo elétricos até 2032.

Embora a Califórnia e alguns outros estados dos EUA tenham impressionado com a adoção de EV, houve maiores sucessos no exterior. A Noruega é frequentemente considerada a capital mundial dos veículos elétricos, com poucas vendas de carros a gasolina.

Enquanto isso, a China, que abriga o maior mercado automotivo do mundo, está passando por aumento nas vendas de EVs que supera a maioria dos outros países. Na verdade, alguns carros a gasolina estão se tornando extremamente difíceis de vender em algumas áreas do país.

Com informações de Electrek

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!