A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou nesta sexta-feira (5) que a Covid-19 não é mais uma Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII). O alerta, implementado há três anos, é o mais alto nível de vigilância da organização, mas sua alteração não retira o título de pandemia

  • O ESPII foi acionado devido ao surto do novo coronavírus no final de janeiro de 2020; 
  • Segundo estimativa da organização, a doença matou mais de 7 milhões de pessoas em todo o mundo, mas o número pode ser mais alto; 
  • O título de pandemia é diferente do alerta, sendo declarado pouco mais tarde, em março de 2020. 

Leia mais! 

publicidade

O Comitê de Emergência se reuniu pela 15ª vez e me recomendou que eu declarasse o fim da emergência de saúde pública de importância internacional. Aceitei esse conselho. É, portanto, com grande esperança que declaro o fim da Covid-19 como uma emergência de saúde global.  

Tedros Adhanom, diretor-geral da OMS. 

O diretor acrescentou, no entanto, que o rebaixamento do nível de alerta não significa o fim da pandemia, principalmente diante das novas variantes do vírus. 

No entanto, isso não significa que a Covid-19 acabou como uma ameaça à saúde global. Na semana passada, a Covid ceifou uma vida a cada três minutos — e essas são apenas as mortes que conhecemos. 

A decisão da OMS foi motivada ante a queda no número de casos e mortes, além dos resultados do amplo alcance da vacinação. 

publicidade

Por que o fim da emergência sanitária não é o fim da pandemia? 

De acordo com explicação da própria OMS, a ESPII é um termo técnico que passa por diversos critérios até ser decretado. Já o termo pandemia refere-se a disseminação mundial de uma nova doença. 

Segundo a líder técnica da entidade, Maria van Kerkhove, o fim da emergência este ano não indica que o mundo não terá mais que lidar com a Covid. 

publicidade

É muito difícil definir quando você chega num status em que um novo vírus se torna uma pandemia. Já a ideia de declarar uma ESPII é para coordenar uma ação imediata antes que esse evento se torne ainda maior e vire uma pandemia. 

Maria van Kerkhove, líder técnica da OMS, em vídeo explicativo divulgado no início deste ano pelo órgão. 

A explicação da especialista esclarece, inclusive, o motivo de o ESPII ter sido declarado antes do título de pandemia, já que esse é o processo dos protocolos da OMS.

Com informações do G1

publicidade

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!