Os saurópodes são os maiores animais terrestres que já andaram pela Terra. Com algumas espécies podendo pesar cerca de 90 toneladas e chegar a quase 40 metros de altura. Quando eles andavam, a terra tremia. Agora, uma nova descoberta do mundo jurássico mostra que eles podiam ser tão pequenos a ponto de pesarem menos que muitos humanos.

A descoberta foi feita a partir de uma nova análise de um osso encontrado na África do Sul. Até então pensava-se que ele fazia parte do braço de um jovem Massospondylus carinatus, mas a pesquisa revelou que, na verdade, o fóssil pertence a uma espécie ainda menor e desconhecida.

publicidade

Leia mais:

Saurópodes pequenos

Geralmente uma família de animais grandes possuem ancestrais pequenos até que se tornem gigantes, e não foi diferente com os saurópodes, os primeiro ancestrais deles, os sauropodomorfos, pesavam menos de 15 quilos e provavelmente eram onívoros.

publicidade

Geralmente, o número de espécies de pequeno porte é maior do que as grandes, mas com saurópodes isso não aconteceu, a menos que elas ainda não tenham sido descobertas. Acreditava-se até então que a menor espécie era a Massospondylus carinatus com 550 quilos, o peso de uma vaca, mas a nova análise revelou que isso não era verdade.

O fóssil é rotulado como BP/1/4732 e o novo estudo apontou que ele pertencia a um saurópode bípede que pesava 73,35 quilos, tratando-se assim de um adulto de uma nova espécie, visto que o osso do animal parou de crescer muito antes de sua morte.

publicidade

Ainda não se sabe se o indivíduo a qual o osso pertencia era um espécime típico ou possuía algum tipo de nanismo, mas mesmo que esse seja o caso, ainda sim não se trata de um M. carinatus, visto que eles eram oito vezes maiores.

Outro fóssil de saurópode ainda menor já foi encontrado, o único já descoberto da espécie Adeopapposaurus, pesando cerca de 55 quilos. Mas acredita-se que tenha pertencido a um indivíduo imaturo, com os adultos sendo muito maiores.

publicidade

Agora, para fazer com que a menor espécie de saurópode seja reconhecida e descrita será necessário outros fósseis, que podem estar por aí prontos para serem descobertos. Além disso, os pesquisadores acreditam que muitos outros ossos classificados como juvenis, podem ter pertencido a indivíduos adultos.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!