Neste domingo (3), às 08h05 (pelo horário de Brasília), a cápsula SpaceX Crew-6 se desacoplou da Estação Espacial Internacional (ISS) para dar início à viagem de volta à Terra de seus quatro tripulantes, após seis meses de missão (assista à desconexão aqui).

Pelos planos iniciais, a espaçonave começaria o retorno à Terra no sábado (2). No entanto, conforme noticiado pelo Olhar Digital, o procedimento foi adiado devido a condições climáticas desfavoráveis.

publicidade

De acordo com um comunicado emitido pela empresa, após realizar uma série de queimaduras de partida para se afastar do laboratório orbital, a espaçonave Dragon Endeavour fez uma sequência de manobras de redução de órbita, descartou o compartimento de carga e reentrou na atmosfera da Terra, pousando no oceano próximo à da costa da Flórida à 1h17 da manhã desta segunda-feira (4).

Leia mais:

publicidade

Retorno da missão SpaceX Crew-6 será transmitido pelo X

A bordo da espaçonave estavam Stephen Bowen e Woody Hoburg (NASA), além do russo Andrey Fedyaev (Roscosmos) e do astronauta Sultan Alneyadi, dos Emirados Árabes Unidos. Eles foram lançados para a estação espacial no dia 2 de março, quando um foguete Falcon 9 decolou do Complexo de Lançamento 39A (LC-39A) no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, levando a cápsula da SpaceX no topo.

A cobertura ao vivo do pouso pelo Twitter (ou melhor, X – ainda mais falando sobre uma das empresas de Elon Musk, o dono da antiga plataforma do passarinho azul) começou cerca de uma hora antes do mergulho da cápsula nas águas do Atlântico auxiliada por paraquedas.

publicidade

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!