O Google anunciou nesta quarta-feira (6) a chegada de um novo recurso de segurança para clientes do Workspace, serviço da big tech voltado para empresas: agora será possível bloquear arquivos do Google Drive, limitando edições, comentários ou sugestões de qualquer pessoa, independentemente do nível de acesso. 

O que você precisa saber: 

publicidade
  • Com a função de bloquear arquivos, apenas a leitura ficará disponível para outros usuários; 
  • Segundo comunicado do Google, a função começou a ser implementada em domínios de lançamento rápido na terça-feira (5); 
  • Aqueles em domínios de lançamento agendado terão acesso ao bloqueio a partir de 20 de setembro. 

Leia mais! 

Conforme lembrou o The Verge, restringir um arquivo no Google já era algo que você podia fazer com a API do Google Drive ou por meio da aprovação de solicitação. A principal diferença com a atualização é a praticidade: agora é possível bloquear o arquivo a qualquer momento simplesmente clicando com o botão direito, indo para Informações do arquivo e selecionando “Bloquear”. 

publicidade

Atualizações Google Workspace 

O Google vem atualizando diversas funções do Workspace. Recentemente, por exemplo, a big tech adicionou Duet AI à plataforma. Com ela é possível criar planilhas, apresentações e resumir documentos na versão paga do serviço. 

Outra novidade é o início dos testes de login sem senha para milhões de contas cadastradas nas plataformas Workspace e Google Cloud. A mudança encerra um problema antigo dos usuários: não lembrar a senha e ter que sempre optar por redefinir. 

publicidade

As mudanças neste e outros serviços do Google ocorrem enquanto a empresa luta para alcançar a Microsoft, especialmente no que diz respeito a produtos de IA. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!